Os 10 melhores filmes baseados em HQs (2003 a 2014).

Salve Nosetmaníaco, eu sou o Marcelo Moura e junto com meu parceiro Emissário aceitei o desafio de dizer quais as 10 melhores adaptações de HQs para o Cinema.

10º – Thor 2 – O mundo Sombrio – dir. Alan Taylor (2013):

Thor 2 tem seus deslizes, mas ainda é um filme muitíssimo divertido e Tom Hiddleston está Impagável como Loki. Destaque também para Kursed, um vilão que, por pouco, quase mata o Thor. Ambientado metade na terra e metade em asgard, o filme mostra um leque de criaturas incríveis, vilões de peso, e a convicção de que o próximo filme do loirão tem de ser em Asgard, pois o filme fica mil vezes melhor quando se passa na terra de Odin.

Cena Épica: Loki o Salvador. Salvou Jane Foster e logo Depois salvou o próprio Irmão.

9º – Kick Ass – dir. Matthew Vaughn (2010):

Insanidade é a palavra certa para definir Kick-Ass. Tem de ser insano para se vestir com roupa colorida e sair pelas ruas querendo bater em bandido. Tem de ser insano em acreditar que toda aquela galhofa que se ver nos quadrinhos seja possível no mundo real. E tem de ser mais insano ainda em deixar passar batido um filme como esse. Baseado na obra de Mark Millar, Kick Ass, dirigido pelo criativo Matthew Vaugh, nos brinda com um nerd que quer ser Herói, satisfazendo o desejo de 10 a cada 10 nerds no mundo que pensam da mesma forma. É hilariante ver o quanto Davi Lizweski (o Kick-Ass) se estrepa tentando fazer papel de herói. Até o momento em que ele conhece dois Herois de verdade; o big Daddy (Nicolas Cage) e sua filha Hit-Girl (Chloe Grace moretz). Hit-Girl é puro Love.

Cena Épica: Hit Girl detonando toda a bandidagem no prédio do vilão.

8º – X-men 2 – Dir. Bryan Singer (2003):

Se X-men 1 já era bom, X-men 2 já chega arrebentando geral. Com uma sequência de ação impressionante com Noturno dentro da casa Branca de fazer perder o fôlego, e uma historia muito mais densa e incisiva. O humano Stryke, também responsável pelo Adamantium dos ossos do Wolverine, rapta Xavier e o obriga a entregar a localização de todos os mutantes no mundo. Nesse meio Tempo, Magneto se une aos X-men para ajuda-los a destruir Stryke.Traições, vilões virando aliados, segredos do passado de Logan, invasão a mansão Xavier, e muito mais tornam X-2 um filme impecável.

Cena Épica: Noturno arrebentando na Casa Branca.

7º – Batman TDK – Dir. Christopher Nolan (2008):

Sinceridade, o titulo do filme está errado. O nome correto deveria ser “Coringa – O Cavaleiro do Caos”. Pois o filme É do Coringa. Batman é um mero coadjuvante, quase um figurante, diante da espetacular encarnação de Ledger no Papel de Coringa. Heather Leadger literalmente deu a vida pelo personagem ( e bota literal nisso), um palhaço do crime psicopata, astuto, insano, completamente imprevisível. Pense em qualquer cena memorável do filme, e aposto que essa cena terá a presença do coringa. Creditos também a Nolan que soube criar um filme policial tenso ambientado no universo Batman.

Cena Épica: Coringa Preso, batendo palma para os policiais.

6º – X-men – Dias de Um futuro esquecido – Dir. Brian Singer (2014):

A segunda investida do novo “reboot”, se é que podemos chamar assim, dos famosos mutantes da Marvel se mostra muito superior ao “Primeira Classe” que já era extraordinário.Dias de um Futuro esquecido não só arruma toda a lambança criada por “Wolverine Origins” e “X-men o Ultimo Confronto”, como ainda entrega para os fã os crossover entre a velha geração e a nova geração de X-men. Destaque ainda para o mercúrio, que nos quadrinhos sempre foi um personagem chato pra burro, mas no filme virou sensação e até os fãs andam pedindo um filme do velocista.

Cena Épica: Mercúrio usando seu poder para salvar o dia.

5º – Homem de Ferro 2 – Dir. John Favreau (2010):

O primeiro HF foi incrível e lançou ao estrelato tanto a Marvel como a Robert Downey Junior (que hoje, amanhã e sempre será o nosso Tony Stark). O segundo veio para sacramentar a Qualidade Marvel de fazer filmes. Tudo no segundo filme consegue ser melhor que no 1º. Desde as cenas de ação, até os diálogos ácidos e sarcásticos de Robertinho, ops..Stark. A armadura ainda mais estilosa e avançada. A presença da estonteante viúva Negra. A participação do Maquina de Combate. E um vilão muito mais perigoso e motivado do que o Monge de Ferro fazem de HF2 um filme muito melhor que o 1º, e um dos melhores filmes baseado em quadrinhos.

Cena Épica: Tony Stark Bebaço, dando festa e saindo na mão como o Maquina de Combate.

4º – Guardiões da Galáxia – Dir. James Gunn (2014):

Ok, é o seguinte. A partir daqui tanto o 4º, 3º e 2º filmes da lista podem ser classificados como “empatados”. Digo isso porque, sinceramente, é difícil dizer qual dos 3 é melhor. Portanto vou começar com Guardiões. A Marvel tem os Dons! Fato! Ninguém em sã consciência pode negar isso. Pegaram personagens do mais obscuro escalão dos quadrinhos da editora e transformaram num filme de sucesso Colossal!!! Todos amam Groot, Rocket, Senhor das Estrelas mas até uns meses atrás ninguém fazia ideia quem eram esse “monte de Zé ruelas – Rocket Racoon”. E o Filme, meu bom juiz, o filme é maravilhoso. Divertidíssimo, com uma pitada de saudosismos, daqueles que te faz lembrar filmes como “De volta para o Futuro” e “Star Wars”. Trilha sonora impecável, cenas de ação alucinantes e muito, muito bom humor. Rocket e Groot são os novos “Tony Starks” da Marvel. É um filme pra ver e rever um milhão de vezes.

Cena Épica: Os 5 segundos que Rocky deu para libertarem Star-Lord e Gamora.

3º – Capitão America 2 – O Soldado Invernal – Dir. Anthony e Joe Russo (2014):

O que é Liberdade? Somos realmente todos iguais perante a Lei? Ter alguém ou uma organização com uma arma apontada para sua cabeça, para te manter na linha, te torna alguém livre? É com essas duvidas que Steve Rogers se depara em Capitão America 2 – O soldado Invernal. No momento em que ele olha para os imensos porta-aviões da Shield, logo percebe que aquilo não é liberdade mas Medo. O mesmo Regime ditado pelo Medo ao qual ele lutou contra na segunda guerra, e hoje, a ver sendo colocado em pratica com a autorização dos lideres do país ao qual, outrora, jurou defender. Capitão America 2, não é apenas um filme de Super-heróis, mas uma ideologia. Liberdade versus Segurança. Totalitarismo versus direitos humanos. Embalado num ritmo frenético que nunca perde o pique, e com participações marcantes da Viúva Negra, Falcão, Nick fury e Soldado invernal, Capitão America 2 é disparado um dos melhores filmes de Super-Heróis já feito na historia do cinema.

Cena Épica: Capitão fugindo do prédio da Shield.

2º – Homem Aranha 2 – Dir. Sam Raimi (2004):

Não há Herói como o Homem-Aranha, isso porque não há personagem nos quadrinhos como Peter Parker. Na época em que foi criado, todos os heróis eram infalíveis, não tinham dificuldades. Suas personalidades secretas eram ricas (como Stark e Bruce), bem de vida (Como Steve Rogers, Clark Kent), na maioria dos casos o alter-ego era uma simples “escada” para o que realmente interessava – O Herói em ação. Com o Aranha foi tudo diferente, e é diferente até os dias de hoje. Peter Parker é tão ou mais importante que o próprio Aranha. E quando muitos Heróis viam sua vida heroica como algo maravilhoso, Peter Parker o via como um fardo que só dificultava ainda mais a sua sofrida vida. Tinha de trabalhar para pagar seus estudos, ajudar sua tia doente, pagar o aluguel num muquifo no fim do mundo. Tinha de se esforçar para manter um relacionamento, e ainda tinha de aguentar os valentões da escola que o zuavam constantemente. Mas todo o Esforço e trabalho iam pro espaço quando surgia um problema que tinha que ter a intervenção do Aranha. Peter Parker é um sofredor nato. E nenhum filme representa melhor esse sacrifício que Parker assume do que HA2. Sam Raimi, mostra com Alma e maestria sem igual, todo o peso, todo o sofrimento que Parker carrega nas costas . De fato “Com grandes Poderes, vem Grandes Responsabilidades”. A frase perfeita, para um Filme Perfeito. Não bastasse a fantástica historia, ainda temos um dos melhores vilões já criado para o Cinema – Doutor Octopus. Visualmente mais ameaçador e impactante do que o Duende Verde. Cenas de ação tirar o fôlego, uma historia que te fará sentir na pele o peso de ser um herói, bom Humor, lagrimas, HA2 é O FILME!!! Marc Webb pode ter o Homem-Aranha, mas jamais soube ter o Peter Parker. E sem Peter Parker, não há filme que preste do aranha.

Cena Épica: Todo o Azar do Peter na festa em Homenagem ao filho do J.J.Jamenson.

1º – Os Vingadores – dir. Joss Whedon (2012):

Um Bilhão e 600 milhões de dólares. 3º Maior bilheteria da Historia do Cinema. A realização do Sonho de milhares de fãs ao redor do mundo. Vingadores não pode ser considerado apenas um Filme. Vingadores é um EVENTO. Algo nunca antes feito na historia do cinema. Um Filme que foi planejado lá atrás, no primeiro Homem de Ferro de 2008, com uma referencia aqui, outra ali, e uma cena pós-credito que levou milhões a loucura – “já ouviu falar da iniciativa Vingadores?” Pronto. A bomba estava lançada. E a partir daí, tanto fãs como aqueles que sequer sabiam quem era Tony Stark, passaram a acompanhar todos os filmes da Marvel para no final ver a união de todos eles no Épico filme de Joss Whedon. E que Filme!! Doses Cavalares de Humor, Cenas Épicas atrás de Cenas Épicas, um roteiro que privilegia todos os heróis presentes (pra quem acha que é fácil, basta assistir TDK e perceber que só tem 1 herói e mesmo assim o coitado ficou quase irrelevante dentro do próprio filme), Heróis que muitos acompanham há décadas nos quadrinhos, estavam ali…em carne e osso…atuando juntos como uma equipe. Homem de Ferro, Capitão, Thor, Hulk, Gavião Arqueiro, Viúva Negra, Nick Fury, Maria Hill, Coulson, Loki Todos ali. Vindo de filmes diferentes, mas unidos em um único filme, tal como foi nos quadrinhos. Exatamente como foi nos quadrinhos. Até as batalhas de Herói contra Herói para depois se unirem não ficou de fora.

Cena Épica: O Filme inteiro.

Como eu disse, é um Evento. Algo que milhares de fãs desejavam a décadas. Também é um evento pois mudou até a forma de Hollywood enxergar os filmes. Se hoje Você ver as produtoras querendo criar seus “universos Compartilhados”, é por causa da Marvel. Se você irá assistir ao “esquadrão Suicida” dando graças aos céus por finalmente a Warner/DC perceber que não tem apenas Batman, é por causa da Marvel. Portanto, não tem como o primeiro lugar dessa lista não ser dos Vingadores.  O filme que mudou o cinema.

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.1253/

 

chapolin
By Emissário Zen – Hai. The Big N Channel.com.br Facebook: The Big N Channel

 

Mais do NoSet

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.