Top 05 filmes de Natal. Pois a magia continua! - NoSet
Cinema

Top 05 filmes de Natal. Pois a magia continua!

Época de Natal é linda e gostosa, né? Muitas luzes, muitas comidas típicas que fazem a gente esquecer qualquer dieta, muitos simbolismos, não importa qual crença seja a sua.

Qual a tradição que você gosta de seguir? Além daquelas antigas e familiares, tem uma que vem sendo seguida: assistir filmes da época. Opção é que não falta, desde os religiosos, que trazem o significado do Natal para os cristãos, até aqueles de comédia.

Escolhi 05 filmes que me marcaram, nem todos têm o Natal como foco, mas, de alguma forma, trazem a época e alguns simbolismos bem característicos.

____________________________________________

5º- “Revivendo o Natal” (“12 Dates of Christmas” – 2011)

Nos EUA é muito forte a lembrança da tradição cristã das 12 noites santas, que preparam o espírito para o Natal. Esse filme traz essa tradição como forma de lição de moral.

Kate tem uma meta, reatar com o ex-namorado e passar o Natal com ele. Ela fica tão cega por essa meta que estraga um encontro arranjado pela madrasta com um cara que seria perfeito para ela. Como “castigo” do destino, Kate terá que reviver aquele dia 12 vezes, até entender qual a melhor escolha para sua vida.

É um filme que pode ser apontado como “bobinho”, mas tem algumas boas lições, não só sobre o par romântico, mas sobre tudo o que Kate deixava de prestar atenção por besteira, como dar atenção à vizinha solitária.

O elenco conta com Amy Smart (“Apenas Amigos”, “Efeito Borboleta”, “Road Trip”) como Kate e Mark-Paul Gosselaar (“Saved by the Bell”, “Raising the Bar”, “Frankling and Bash”) como Miles, o moço que era o certo para ela.

4º- “Os Fantasmas de Scrooge” (“A Christmas Carol” – 2009)

Com certeza alguns de vocês já devem ter assistido algum especial de final de ano com os três fantasmas de Natal. Esse é um conto antigo de Charles Dickens, que vem recebendo novas versões anos após anos.

Nessa animação o conto se realiza em relação ao avarento e rabugento Ebenezer Scrooge, que é acordado na noite de Natal pelos fantasmas.

Primeiro pelo Fantasma do Natal Passado, mostrando como ele era no passado e o que pode ter ocorrido pra ele se tornar quem é na atualidade. A segunda vez foi pelo Fantasma do Natal Presente, mostrando o que está acontecendo na noite de Natal daqueles que estão relacionadas a ele (a quem ele recusa dar dinheiro). E, por último, pelo Fantasma do Natal Futuro, mostrando como a vida dele poderá terminar se ele continuar assim.

Particularmente, gosto de quase todos os especiais que trazem a ideia dos três espíritos/fantasmas do Natal; vejo como uma alegoria para nossas reflexões de final de ano. Mas essa animação tem um toque dramático que o faz ser mais marcante, sem contar que entre os dubladores originais estão Jim Carrey (como Scrooge e todos os fantasmas) e Colin Firth.

3º- “Esqueceram de Mim” (“Home Alone” – 1990)

A família McCallister podem ter esquecido Kevin em casa na época do Natal, mas eu nunca esquecerei dele!!!

É impossível não lembrar do garoto que era hostilizado pelos primos maiores, por ser medroso e apegado a mãe, que sobreviveu melhor do que ninguém à véspera de Natal sozinho em casa. Kevin não só enfrenta medos dentro da sua casa (como da caldeira, que aquece a casa), mas também a uma dupla de assaltantes que achava que a casa estava vazia.

Kevin aprende muita coisa e ensina a sua família que ele não era exatamente o que mundo pensava, isso enquanto nos faz rir com pequenos detalhes.

Já pensou passar a noite de Natal sozinho enquanto sua família viaja? Assista esse filme e aprenda com um mocinho de 8 anos!!!

Nem preciso dizer, mas Kevin é interpretado por um fofo Macaulay Culkin, antes dos escândalos com Michael Jackson e problemas com drogas.

2º- “Simplesmente Amor” (“Love Actually” – 2003)

Esse foi o primeiro filme em mosaico que assisti na vida, e isso não foi tarefa fácil, porque você tem que prestar atenção nos detalhes para não confundir as histórias.

O plano de fundo é o Natal na cidade de Londres, onde casais estão tentando se juntar e famílias se ajustarem. Um viúvo, Daniel, tenta confortar e se aproximar do enteado; Juliet acaba de se casar com Peter, mas descobre que Mark, seu melhor amigo, tem sentimentos por ela, que podem ser retribuídos; O Primeiro Ministro se apaixona por uma secretária e tenta fazer dar certo; um escritor, Jamie, sai de Londres para ter inspiração, acaba se apaixonando por uma local; etc.

O interessante é ver que todas as histórias têm uma certa ligação e se desenvolvem segundo algumas tradições de Natal, como Mark ao se declarar para Juliet, ele coloca uma musiquinha de coral de Natal (que por lá costuma cantar de porta em porta) e vai mostrando uns cartazes com a declaração para ela.

Um filme mosaico traz um elencão!!! Hugh Grant e Colin Firth aparecem sem uma Briget Jones no meio (nem ligação entra a história deles), Emma Thompson ajuda Lian Neeson a consolar o enteado, Keira Knightley tenta não trair o mais novo marido e Rodrigo Santoro é impedido pelo Nokia Tune do seu interesse amoroso.

Sim, esse é o primeiro filme estrangeiro que Rodrigo Santoro tem fala!!!!

1º- “O Amor Não Tira Férias” (“The Holiday” – 2006)

O que uma grande produtora de trailers da Califórnia, EUA, tem em comum com uma editora “comum” de uma cidade pequena da Inglaterra? Azar no amor!!!!

Amanda pode até ser rica e viver numa mansão em um bairro nobre da Califórnia, mas mal conhece seus vizinhos, não consegue ter relacionamentos duradouros e não sabe mais chorar. Iris até não vê problemas com seu emprego, embora mereça uma promoção, mas vive uma história de amor quase abusiva: o moço com quem ela “namora” não quer nada sério com ela, inclusive assume noivado com outra na festa de Natal da empresa em que trabalham.

Decepcionadas com a vida, elas fazem um intercâmbio de casas, uma vai passar o Natal na casa da outra. Amanda não se adapta muito com a casa simples e o clima frio, mas se apaixona pelo irmão de Iris (que chega bêbado no meio da noite). Por outro lado, Iris está aproveitando muito, conhece um colega de trabalho de Amanda, Miles, e um vizinho, que era alguém muito importante para a Hollywood do passado.

O Natal para elas duas virou realmente um momento de transformação, onde passam a ver que a “grama do vizinho” nem sempre é tão mais verde do que a delas, todos têm seus problemas e uma simples mudança de ares pode trazer soluções.

Os quatro principais personagens do filme são interpretados por quatro grandes estrelas: Kate Winslet, a eterna rose de “Titanic”, é a desolada Iris; Cameron Dias, de “As Panteras” e outros tantos filmes de ação e comédia romântica, é a bem sucedida Amanda; Jude Law, “Hugo Cabret”, “Sherlock Holmes”, dentre outros, é o charmoso irmão de Iris, Graham; e Jack Black, “Escola do Rock”, “King Kong”, “Kong Fu Panda”, dentre outros, faz o simpático e cativante Miles.

Esses filmes são só 5 dos que eu mais gosto dessa época, se alguém tiver mais sugestões, fique à vontade.

Feliz Natal!  Que vocês lembrem do verdadeiro significado desta data e da magia das tradições natalinas!!!

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo