Guerra Civil dos Games: Marvel Ultimate Alliance da Activision.

Salve Nosetmaníacos, eu sou o Marcelo Moura e hoje falamos de mais um game de sucesso da Marvel Comics baseado no arco Guerra Civil. 

Marvel: Ultimate Alliance (2006):

Marvel: Ultimate Alliance é um game de Ação/RPG realizado pela Raven Software e a Activision. O game possui mais de 20 personagens jogáveis da Marvel e mais de 140 aparências. Os jogadores podem criar times de até quatro heróis, e jogarem nos modos Online ou cooperativos,com mais de 4 jogadores. No modo arcade o jogador deve matar o maior número de inimigos para ganhar experiência e aumentar o nível de força. O mais indicado é manter o mesmo time de heróis desde o início, pois assim os heróis evoluem gradualmente e podendo se enfrentar em mais de dezessete cenários diferentes, com batalhas no céu, na terra, no fundo do mar, entre outras paisagens e locais, como palácios e bases secretas. UA tem finais alternativos, afetados pela decisão do jogador. Existem finais alternativos para todos os personagens e tipos das missões.

w8

Marvel: Ultimate Alliance 2 (2009):

Marvel: Ultimate Alliance 2 é uma continuação para o game de RPG de ação Marvel: Ultimate Alliance (2006) e foi lançado em 15 de Setembro de 2009. O jogo foi desenvolvido em conjunto pela Vicarious Visions, n-Space e Savage Entertainment e foi distribuído pela Activision.O game apresenta os personagens da Marvel Comics.

Crítica: Na primeira versão do Game de 2006, nossos heróis enfrentaram os vilões em um terrível plano do Doutor Destino e Loki para conquistar o Mundo. Apesar de ser um jogo bem limitado e com alguns bugs até irritantes, MUA (2006) foi o primeiro jogo realmente bom de se jogar no estilo de heróis em modelo RPG onde você desbloqueava os poderes e vestimentas enquanto avançava nas missões, seja do Universo 616 ou Ultimate. Você se divertia realmente jogando e montando sua equipe, a história não era nem tão boa, assim como seus gráficos e quando acabava o jogo, você tinha que começar tudo de novo do zero, mas até aí, diversão garantida, se comparados aos chatos jogos de RPG da mesma franquia como XMen Legends (2004) e sua continuação (2005), com péssimos gráficos, poderes e equipe bem limitados.

w7

O avanço do MUA (2006) chegava a ser surpreendente. Quando saiu MUA 2 (2009), achei o jogo incrível, gráficos alucinantes, um roteiro inteligente, tinha Deadpool, e uma boa história. O jogo não era tão limitado quanto aos espaços para jogar, mesmo parecendo mais um adventure que um RPG, principalmente nos combates e tinha uma excelente mudança nos especiais que se alteravam de acordo com a equipe que você escolhia para o combate. Pena que essa impressão só durava até a metade do jogo, logo após você escolher seu lado e a história dos Nanites se tornarem o centro do jogo, ai a vaca vai pro brejo. A dificuldade de desbloquear os personagens ocultos, como Thor, a mudança de roteiro para diferenciar Guerra Civil do universo dos Games para os da HQs, não me pergunte o porquê, são aimplesmente devastadores. A escolha de personagens desinteressantes como alguns dos Thunderbolts e um final desapontador tornam este jogo uma bela decepção. Não que eu não tenha jogado muito e ainda hoje não pegue para jogar de novo, principalmente o início do jogo com Wolverine, Homem de Ferro e Aranha, que é uma delícia de se jogar, mas conforme você vai avançando, o game se torna chato, monótono e sem graça, por principalmente ficar repetitivo e queimar todos os seus cartuchos no início.

w6

Vou ser bem sincero, eu até entendi que quando você escolhe um lado, outros heróis fiquem impedidos de se jogar, isso não me incomodou, mas além disso você tem também ter personagens clássicos bloqueados como Thor e Hulk que você deve desbloquear de acordo com os pontos, quase impossíveis de se fazer tornaram o jogo bem decepcionante. Mesmo para os fãs mais ardorosos que podem levantar o fato disso, pois Thor em Guerra Civil era um clone, o original morreu na série Ragnarok e Hulk não participou, pois estava exilado na saga Planeta Hulk, pelos Iluminati. Eu até usei aquele modo desbloqueio de personagens para liberar todo mundo, mas ai você fica sem poder gravar e tudo que você faz, quando desliga fica perdido, então joguei quase 6h direto e depois nunca mais fiz a sequencia de letras por falta de vontade. O jogo ficou longe de ser um clássico, ainda muito melhor que seu concorrente da DC que só permitia jogar com dois personagens ao mesmo tempo, sendo que aqui a jogabilidade é para quatro pessoas ao mesmo tempo, mas mesmo assim, ficou arquivado no passado dos gamers.

w2

 

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.1253/

Marcelo Moura

Marcelo Moura

http://www.noset.com.br

Moura gosta de Cinema, Tv, Livros, Games, Shows e HQ´s, do moderno ao Cult. Se diverte com o Trash, Clássico e Capitalista. e um pouco de tudo isso você vai encontrar aqui. Muitos dizem que quem escreve é a sua esposa ou mesmo seus três filhos. É ler para crer....

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *