A Franquia Pirates of the Caribbean (2003/2006/2007/2011): - NoSet
Cinema

A Franquia Pirates of the Caribbean (2003/2006/2007/2011):

Salve Nosetmaníacos. Noset assistiu a franquia e indica com louvor.

piratas-2

Pirates of the Caribbean: The Curse of the Black Pearl (2003):

Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra é um filme baseado no brinquedo Pirates of the Caribbean dos parques temáticos da Walt Disney Parks and Resorts. Dirigido por Gore Verbinski e produzido por Jerry Bruckheimer, com Johnny Depp, Orlando Bloom, Keira Christina Knightley e Geoffrey Rush no elenco.

Sinopse: Em pleno século XVII, o pirata Capitão Jack Sparrow tem seu navio saqueado e roubado pelo Capitão Barbosa. Cabe agora ao pirata, juntar-se ao ferreiro Will Turner e a dama Elizabeth Swann para vencer a maldição e recuperar o seu navio.

piratas-9

Crítica: Gregor “Gore” Verbinski é diretor e escritor norte-americano de origem polonesa que tem no seu currículo filmes como A Mexicana, The Ring, The Weather Man e O Cavaleiro Solitário, uma outra parceira com Depp e a Disney que falaremos depois. Em Piratas do caribe, Gore surpreende a todos com um filme de aventura hilário, versátil e encantador, muito disso vem do ótimo equilíbrio entre o triangulo amoroso Depp, Bloom e Knightley, que roubam o filme com cenas divertidíssimas. Com um orçamento de US$ 140 milhões e o descrédito de seus produtores que o consideraram uma produção menor, o primeiro filme só em bilheteria arrecadou nada menos que US$ 600 milhões e colocou finalmente Depp em uma franquia de sucesso. Outro ponto interessante foi a entrevista de Depp, contando que se baseou seus trejeitos de pirata bêbado e maluco no jeito do guitarrista da banda Rolling Stones, Keith Richards, de ser. Richards adorou o filme e o personagem, ficou lisonjeado com a homenagem e prometeu participar de um dos filmes se sua agenda o permitisse. Para quem não sabe, Depp é guitarrista de uma banda de rock e toca nas horas vagas. Diferente do diretor Peter Jackson, os filmes dos Piratas do Caribe de Gore foram filmados no paradisíaco Hawaii e não na fabulosa Nova Zelândia, apenas nota como referência.

piratas-5

Pirates of the Caribbean: Dead Man’s Chest (2006):

Piratas do Caribe: O Baú da Morte é um filme americano e britânico, segundo da série Piratas do Caribe da Disney e dirigido novamente por Gore Verbinski.

Sinopse: O capitão Jack Sparrow está de volta e descobre que tem uma dívida de sangue que terá que pagar. Elizabeth Swann, a filha do governador Weatherby, está prestes a se casar com o ferreiro Will Turner, mas ambos se veem novamente envolvidos em um trama maior que os jogam em uma nova aventura. O filme começa praticamente após o final do primeiro filme.

M

Crítica: Sim, estão todos de volta para a alegria de todos os fãs do Capitão Sparrow. Só que, infelizmente, o filme cai em erros homéricos de excesso de tudo e isso o torna lento e sem uma história coerente para se entender. Com um orçamento absurdo de US$ 225 milhões, O Baú da Morte parece uma colcha de retalhos, e muito disso vem dos excessos do diretor Gore, com um roteiro para lá de cansativo, Depp em solos intermináveis de palhaçadas e caretas com ele mesmo e um banho de efeitos especiais que deram mais sono no espectador que risadas. Mesmo com defeitos, principalmente com  buracos imensos no roteiro, o filme alcançou a marca de US$ 1 bilhão de bilheteria no mundo todo. Para deixar claro como o resultado foi muito mais por causa do personagem carismático Sparrow do que pelo trabalho do diretor, um filme quase igual lançado em 2013, The Lone Ranger (O Cavaleiro Solitários) foi um dos maiores fracassos de bilheteria de Gore e Depp e jogou no poço uma possível nova franquia da Disney. O maior erro, os excessos permitidos pela Disney e Jerry Bruckheimer Films a dupla de diretor e ator, que fizeram o que queriam com o filme.

piratas-6

Pirates of the Caribbean: At World’s End (2007):

Piratas do Caribe: No Fim do Mundo é um filme americano e britânico, o terceiro da série Pirates of the Caribbean, dirigido por Gore Verbinski, escrito por Ted Elliott e Terry Rossio e produzido por Jerry Bruckheimer.

Sinopse:  Jack Sparrow retorna do mundo dos mortos para ajudar Will Turner e Elizabeth Swann a lutar contra Davy Jones.

piratas-7

Crítica: Último filme da parceria Disney e Gore, O diretor teve em mãos nada menos que US$ 300 milhões para terminar sua trilogia de sucesso e reverter todas as críticas que recebeu pelo seu segundo filme. No Fim do Mundo, apesar de não ter a simplicidade do primeiro filme, não cai nos erros do segundo deixando o elenco trabalhar mais e não caindo nos erros do excesso do diretor. Gore consegue endireitar o timão e voltar o filme ao caminho certo contando uma história divertida de piratas, mas mesmo assim, teve bastante críticas. O filme fez o que era esperado e atingiu a casa do US$ 900 milhões. Ao meu ver, o melhor foi uma entrevista de Depp ao fim do filme falando de todo seu amor pelo personagem Capitão Jack Sparrow e de que não era um adeus, mas um te vejo em breve, alegrando milhares de fãs.

piratas-10

Pirates of the Caribbean: On Stranger Tides (2011):

Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas é um filme dirigido por Rob Marshall. É o quarto filme da série Pirates of the Caribbean, distribuído pela Walt Disney Pictures.

Sinopse: Capitão Jack Sparrow cruza com a enigmática Angélica, uma mulher do seu passado, mas não fica claro se a relação deles é de amor ou se apenas um interesse comercial. Enquanto isso, com sua bússola dos desejos, Sparrow e Barbossa embarcam em uma missão para encontrar a lendária fonte da juventude.

pirastsa-13

Crítica: Rob Marshall,é um premiado coreógrafo, diretor de cinema e de teatro. Foi responsável pela direção e coreografia do musical Chicago, filme vencedor de seis prêmios Oscars, incluindo o de melhor filme do ano. Substituindo Gore no quarto filme da franquia e com um elenco e roteiro bem abaixo em qualidade dos anteriores, Marshell consegue contar uma história interessante e sólida, mas longe dos excessos e do charme da trilogia anterior. O que salva no filme é sempre a incrível atuação de Depp e  Rush ao seu lado, mas realmente Penélope Cruz fica muito abaixo em atuação e charme que a dupla Knightley e Bloom, que fizeram uma tremenda falta no filme e são novamente cogitados para, se o código dos piratas permitiram, uma nova continuação. O filme teve o orçamento de baixíssimo de US$ 150 milhões (talvez a Disney não quisesse arriscar tanto assim em um quarto filme) se comprado à trilogia original e bateu honrosamente a casa do US$ 1 bilhão em todo mundo, dando mais fôlego ainda para o charmoso Capitão Jack Sparrow voltar em novas aventuras.

piratas-11

Elenco da franquia: Johnny Depp (Capitão Jack Sparrow) é ator, músico, produtor de cinema e diretor estadunidense. Se imortalizou com seu Capitão Sparrow, não que o ator precisasse disso, mas graças aos deuses da pirataria, ele o fez. Keira Knightley (Elizabeth Swann) é atriz e modelo inglesa. Indicada ao Oscar pelo filme Orgulho e Preconceito. Orlando Bloom (Will Turner) é ator britânico e principalmente conhecido por seu papel de Legolas nas trilogias de O Senhor dos Anéis e O Hobbit e pelo papel de Will Turner em Piratas do Caribe. Geoffrey Rush (Hector Barbosa) é um premiado ator australiano e fez muitos filmes clássicos como O Discurso do Rei, Sheakspeare in Love e Elizabeth. Zoë Yadira Saldaña Nazario é atriz estadunidense mais conhecida por filmes como Guardiões da Galaxia e Avatar. Jonathan Pryce (Weatherby Swann) é ator e cantor britânico. Originário do País de Gales, estudou na Royal Academy of Dramatic Art. Bill Nighy (Davy Jones) é um premiado ator e dublador inglês. Vencedor dos prêmios Globos de Ouro e BAFTA, iniciou a sua carreira no teatro e televisão. Naomie Harris (tia Dalma) é atriz inglesa mais conhecida internacionalmente pelo filme Extermínio e pela trilogia Piratas do Caribe. Tom Hollander (Lord Cutler Beckett) é ator britânico mais conhecido por seu trabalho na trilogia Piratas do Caribe. Jack Davenport (Comodoro James Norrington) é ator de cinema e televisão inglês e participou também de FlashForward como Lloyd Simcoe. Keith Richards (Capitão Teague) é um músico, compositor e ator britânico, considerado um dos grandes nomes do rock do século XX, Richards é mais conhecido como integrante e fundador da lendária banda The Rolling Stones. Kevin McNally é ator e comediante britânico conhecido mundialmente por sua atuação na franquia cinematográfica Pirates of the Caribbean. Stellan John Skarsgård é ator sueco mais conhecido por suas participações em filmes como Ninfomaníaca, Thor e Vingadores. Chow Yun-Fat é ator e lutador de artes marciais chinês. Atuou em filmes clássicos como O Tigre e o Dragão e Anna e o Rei. Penélope Cruz Sanchez (Angélica) é uma premiada atriz espanhola. Ganhou notoriedade nos anos 90, participando de filmes como Jamón, jamón, Alegre ma non troppo, Abre los ojos, Ian David McShane é um ator britânico nascido em Blackburn, Inglaterra.

piratas-12

Att.

Marcelo The Moura.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo