Meet the Spartans: Os Espartalhões de Jason Friedberg e Aaron Seltzer (2008):

Salve Nosetmaníacos, eu sou o Marcelo Moura e hoje indico uma comédia daquelas bem pastelões, sem a necessidade de um roteiro inteligente, mas apenas para se rir.

Os Espartalhões (2008):

Direção e roteiro Jason Friedberg e Aaron Seltzer, produção Jason Friedberg, Aaron Seltzer e Peter Safran, elenco Sean Maguire, Kevin Sorbo, Carmen Electra, Ken Davitian, Diedrich Bader, Method Man e Nicole Parker. Com o orçamento de US$ 30 milhões e uma receita razoável de US$ 84.6 milhões, Meet The Spartans é um filme americano de paródia principalmente ao clássico filme 300, e outros mais.

Sinopse: Leônidas entra em guerra com Xerxes, o deus-rei dos persas, ao matar seus mensageiros, mesmo eles estando cedendo às exigências de Leônidas. Então Leônidas decide consultar o oráculo que diz a ele, que se entra em uma guerra a derrota será iminente, mas Leônidas mesmo assim, da a ordem para seu amigo o Capitão, para convocar um exercito de 300, mas apenas 13 homens são escolhidos, uma vez que em Esparta somente estes atendiam às exigências do rei: “gatos, com bronzeado mediterrâneo corpos sexy e bem dotados”. Foram lutar para derrotar o mais poderoso império da antiguidade.

Crítica: Péssimo filme com até boas ideias, Espartalhões é tudo que o novo humor americano de paródias criou, um humor ruim, piadas de mau gosto, roteiro esquecido e um elenco interessante fazendo papel de bobo que americanos adoram. Podemos ver a lista de filmes com o mesmo estilo como Super heróis – A liga da injustiça (2008), Vampiros que se Mordam (2010), Super Herói – O Filme (2008), Jogos Famintos (2013), todos eles com as mãos dos diretores de gosto duvido Jason Friedberg e Aaron Seltzer, ou mesmo a clássica franquia Todo Mundo em Pânico dos irmãos Wayans. Então não espere nada aqui melhor que esta lista apresentada acima, você até ri, mas também se choca com cenas medonhas ou enfadonhas.

Do elenco Sean Maguire (Rei Leonidas), dá série Once Upon a Time, até que se esforça em atuar e tira umas risadas, mas nada ajuda. Kevin Sorbo (Capitão), da série Hércules e Xena, parece perdido sem saber para onde olhar. Phil Morris (O Mensageiro Persa), de Star Trek III, faz uma das pontas mais engraçadas do filme. Carmen Electra (Rainha Margo), da série Baywatch original, também se esforça, pena que não tem muito a oferecer de talento. Ken Davitian (Xerxes), da série Agente 86, também está péssimo em tudo e para terminar com chave de ouro, Travis Van Winkle (Sonio), famoso humorista americano, mas só conhecido bem lá mesmo. O filme foi um fracasso nas críticas, mas se pagou bem e ainda sobrou uma grana para os diretores fazerem mais deste tipo de material. Obrigado América por seu humor!

Curiosidades: As principais paródias do filme, animações, games, programas americanos e séries são : 300, Entrando Numa Fria, Homem-Aranha 3. Transformers, O Poder do Ritmo, Casino Royale (2006), Happy Feet, Motoqueiro Fantasma, Rambo, Shrek, Toy Story, Rocky, Step Up 2, Subway, Ugly Betty, America’s Next Top Model, American Idol, The Party’s Just Begun Tour, Grand Theft Auto: San Andreas, Topa ou Não Topa e hooters.

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.thor/

Mais do NoSet

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.