Gravidade de Alfonso Cuarón (2013):

Salve Nosetmaníacos, eu sou o Marcelo Moura e hoje indico um ótimo filme de ficção cientifica e redescoberta do ser humano com o ótimo diretor Cuarón.

filmz.ru

Gravidade (2013):

Direção Alfonso Cuarón, produção David Heyman e Alfonso Cuarón, roteiro Alfonso Cuarón e Jonás Cuarón, elenco Sandra Bullock, George Clooney e Ed Harris.

Sinopse: A Dra. Ryan Stone é uma especialista de missão em sua primeira missão espacial no ônibus espacial Explorer. Ela é acompanhada pelo astronauta veterano Matt Kowalski, que comanda sua expedição final. Durante uma atividade extraveicular para realizar reparos no telescópio espacial Hubble, o Controle da Missão em Houston adverte a equipe que a Rússia abateu um satélite desativado deles com um míssil, e o impacto gerou uma reação em cadeia que provocou uma nuvem de detritos espaciais viajando em alta velocidade em direção à nave Explorer. Embora de início o comando da missão tenha descartado qualquer ameaça, eles logo detectam perigo e ordenam que a missão seja abortada. A reação em cadeia acaba também destruindo alguns outros satélites, e a comunicação com a Terra acaba se perdendo. Os astronautas, contudo, continuam transmitindo suas informações, na esperança de que o comando da missão possa ouví-los.

gravidade-2

Comentários: Cuarón escreveu o roteiro com seu filho Jonás e tentou desenvolver o projeto na Universal Pictures durante anos. Depois que os direitos foram vendidos para a Warner Bros. em 2010, e o estúdio abordou várias atrizes antes da escolha de Bullock no papel principal feminino que em fevereiro de 2010 atraiu a atenção de Angelina Jolie, que havia rejeitado uma sequência de Wanted. No final do mês, ela recusou o projeto, em parte porque o estúdio não queria pagar 20 milhões de dólares por seu trabalho, que ela recebeu por seus últimos dois filmes, 19 milhões de dólares para The Tourist e mais de 20 milhões para Salt e porque ela queria trabalhar em dirigir seu filme sobre a guerra da Bósnia, In the Land of Blood and Honey. As demais atrizes sondadas para o papel de protagonista foram Marion Cotillard, Abbie Cornish, Carey Mulligan, Sienna Miller, Rachel Weisz, Naomi Watts, Scarlett Johansson, Blake Lively, Rebecca Hall, Olivia Wilde ou Natalie Portman por sua atuação em Black Swan, mas não aceitou o projeto por conflitos de agenda. Robert Downey, Jr. foi contratado para interpretar o personagem masculino, mas teve que abandonar o projeto devido a conflitos de agenda. Em dezembro de 2010, George Clooney foi contratado para substituir Downey Jr. O filme começou a ser filmado em 3 de maio de 2011, em vários locais dos Estados Unidos, como Atlanta e Los Angeles, bem como em Londres no Reino Unido e Sydney na Austrália. Tem um orçamento estimado de 80 milhões e será filmado em formato digital, antes de ser transferido para o formato 3D no processo de pós-produção. Warner Bros atrasou a estréia do filme de 21 de novembro de 2012 para 4 de outubro de 2013. O cartaz foi apresentado em 8 de maio de 2013, enquanto que o trailer foi apresentado no dia seguinte, em 9 de maio de 2013.

gravidade-6

Crítica: Co-escrito, co-produzido, co-editado e dirigido por Alfonso Cuarón, com o elenco Sandra Bullock e George Clooney, Gravidade é aquele tipo de filme único que vai ficar na história muito mais pelo seu enredo e uma ótima atuação de Sandra Bullock, do que só pelos seus excepcionais efeitos especiais. O filme segue a tênue linha entre a Arte e o Cinema, tão difícil de ver hoje em dia nas telonas, seguindo talvez a mesmas característica de 2001, Uma Odisseia no Espaço (1968) do mega diretor Stanley Kubric e do autor Arthur C. Clark. O filme é uma aula de cinema e em si, de maneira simples e sem cair na história, explica o porquê filmes como Prometheus (2012) de Ridley Scott e Solaris (2002) de Steven Solderberg, ambos filmes muito bem produzidos, não chegaram nem a metade do reconhecimento que Gravidade conseguiu. Não basta gastar, tem que ter conteúdo. O diretor mexicano Cuarón (Harry Pottrer e o Prisioneiro de Azkaban) neste filme está acima da média. Fez o que quis no filme sem deixar que interferências externas mudassem seu projeto. Sandra Annette Bullock amadureceu e se tornou a grande atriz que era promessa, mas não acontecia. Deixou de ser aquela garotinha do sorriso fácil que fazia Miss Simpatia (2000), Speed (1994), A Rede (1995) ou Da Magia a Sedução (1998). O mesmo sorriso que perseguiu por anos a atriz Julia Fiona Roberts ou mais conhecida como Julia Roberts. George Timothy Clooney é ator, diretor, produtor, roteirista e símbolo sexual, além de nas horas vagas fazer propagandas do ótimo café Nespresso que eu adoro. Só isso já vale para vê-lo nas telonas. Com orçamento de US$ 100 milhões, o belíssimo filme bateu nada menos que a receita mundial de US$ 724 milhões.

gravidade-1

Curiosidades: Aningaaq é um curta-metragem derivado de Gravidade que foi disponibilizado na internet. Foi escrito e dirigido por Jonás Cuarón (que escreveu Gravidade ao lado do pai, Alfonso) e idealizado como um extra da edição em Blu-ray, mas agradou tanto a Warner Home Video que foi submetido como pré-candidato ao Oscar de Melhor Curta-Metragem de Ficção. O curta mostra o outro lado de uma conversa por rádio da Dra. Ryan Stone. O filme foi elogiado pelo cineasta James Cameron, que disse: “Eu acho que é a melhor fotografia do espaço já realizado, eu acho que é o melhor filme já feito do espaço e é o filme que eu estive com fome para ver por um tempo muito longo” e Quentin Tarantino, que o nomeou um dos dez melhores filmes de 2013 até agora. O astronauta brasileiro Marcos Pontes, em entrevista ao UOL, disse que o acidente mostrado onde um satélite destruído atinge os astronautas poderia acontecer na vida real, mas que os procedimentos a serem tomados seriam diferentes e apontou o filme Apollo 13 como mais preciso. Após ganhar 7 Oscars no dia 02/03/2014 o diretor Alfonso Cuarón foi parabenizado pelos astronautas que estão abordo da ISS durante a Expedição 38 em um vídeo publicado pela Nasa. Em um texto que acompanha o vídeo a Nasa fez questão de ressaltar que o ocorre no filme, apesar de ser ficção,não encontra eco na realidade: “A Nasa trabalha ativamente para proteger seus astronautas e espaçonaves dos perigos retratados pelo filme”.

gravidade-5

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.thor/

Mais do NoSet

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.