Rijksmuseum - Amsterdam - NoSet
Turismo

Rijksmuseum – Amsterdam

Rijksmuseum (“Museu do Estado”, em holandês) é o museu nacional dos Países Baixos, localizado em Amsterdã. O Rijksmuseum é dedicado à artes e história. Ele tem uma larga coleção de pinturas da idade de ouro neerlandesa e uma substancial coleção de arte asiática.

 

O museu foi fundado em 1800 na cidade de Haia para exibir a coleção do primeiro-ministro. Foi inspirado no exemplo francês. Pelos holandeses ficou conhecida como Galeria de Arte. Em 1808 o museu mudou-se para Amsterdã pelas ordens do rei Louis Napoleón, irmão de Napoleão Bonaparte. As pinturas daquela cidade, como A Ronda Noturna (em neerlandês De Nachtwacht), de Rembrandt, tornaram-se parte da coleção. Em 1885 o museu mudou-se para sua localização atual, construído pelo arquiteto holandês Petrus Josephus Hubertus Cuypers. Ele combinou elementos góticos e renascentistas. O museu tem uma posição proeminente na Praça do Museu, próximo ao Museu van Gogh e ao Museu Stedelijk.

Além de Rembrandt, o Rijksmuseum conta em seu acervo com obras de gênios como Johannes Vermeer, Jan Havicksz. Steen, Jacob Isaacksz. van Ruisdael, Jan Gregor van der Schardt e muitos outros.

Sobre Rembrandt:

Rembrandt van Rijn (1606-1669) nasceu como filho de um moleiro em Leiden. Depois da escola latina, seus pais o matricularam na universidade em 1620. Rembrandt rapidamente desistiu. Tornou-se aprendiz de pintor com Jacob van Swanenburch em Leiden e depois com Pieter Lastman em Amsterdã. De volta a Leiden, estabeleceu-se com Jan Lievens como pintor independente. Naquela época, Rembrandt pintou muitas cenas da Bíblia em um estilo preciso com cores brilhantes.

Em 1631 ele se mudou para Amsterdã, onde recebeu muitas encomendas de retratos. Entre seus muitos alunos estavam Ferdinand Bol, Govert Flinck e Carel Fabritius. No trabalho de Rembrandt, o contraste claro-escuro tornou-se mais forte, a chave mais solta, as composições mais dramáticas. Além de retratos, ele pintou muitas peças históricas e fez gravuras e desenhos.

Rembrandt se casou com Saskia Uylenburgh em 1634. Em 1641, seu filho Tito nasceu. Infelizmente, um ano depois, Saskia morreu. Rembrandt teve uma filha em 1654 com Hendrickje Stoffels. Ele já tinha dívidas altas e teve que vender casa e propriedade. Ele morreu em 1669 e foi enterrado no Westerkerk em Amsterdã. Hoje ele é considerado o maior pintor holandês e um dos maiores da história da humanidade.

Algumas de suas obras:

A construção do museu é ricamente decorada com referências da história da arte neerlandesa. A Ronda Nocturna de Rembrandt tem seu próprio corredor no museu desde 1906. Em 2003 o museu foi fechado para restaurações, mas as obras-primas são constantemente apresentadas ao público.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo