The Big Bang Theory: A Despedida da Série - NoSet
Review

The Big Bang Theory: A Despedida da Série

Salve Nosetmaníacos, eu sou o Moura e você já pode me seguir no Instagram como marcelo.moura.1253. The Big Bang Theory é uma premiadíssima e longínqua série que chega agora a sua 12ª temporada, do mega produtor e escritor Chuck Lorre e tem no elenco os já milionários Johnny Galecki, Jim Parsons, Kaley Cuoco, Simon Helberg, Kunal Nayyar, Mayim Bialik, Melissa Rauch e Kevin Sussman. A décima primeira temporada do sitcom da TV americana estreou na CBS na segunda-feira, 25 de setembro de 2017, voltando ao seu dia regular, às quintas-feiras nos EUA. Em 20 de março de 2017, o TVLine informou que após meses de especulação, a CBS finalmente oficializou a renovação de The Big Bang Theory para mais duas temporadas, encerrando na temporada 2018–19. Em 1 de junho de 2017, a CBS divulgou a data de estreia da 11ª temporada de The Big Bang Theory e de Young Sheldon, programa derivado que acompanhará a infância do personagem de Jim Parsons. Ambas as séries retornarão às telas norte-americanas em 25 de setembro de 2017, com a décima primeira temporada de The Big Bang Theory sendo exibida às 20h30 enquanto Young Sheldon estreará logo em seguida, às 21h. A décima primeira temporada de The Big Bang Theory começou a ser exibida no Brasil pela Warner a partir do dia 08 de outubro de 2017.

Crítica: Eu sempre fui um grande fã de Lorre e de suas séries. Desde Two and a Half Men do louquíssimo Charlie Sheen, Lorre apresenta a humanidade de maneira engraçadíssima, mesmo que muitas vezes bizarros e mesquinha, abusando do humor negro, mas ainda assim, de forma inteligente, humana e prazerosa. The Big Bang Theory, muito mais inocente do que as séries que estamos acostumados, passou a fazer parte de nossa vida e crescer conosco, são mais de 10 anos e a série passou a fazer parte da família, como vizinhos do apartamento do lado, que criou uma família, depois teve novos amigos que amadureceram, casaram e tiveram filhos, sem nunca perderem seu DNA, nossos queridos jovens nerds da primeira temporada. Quem nunca bateu em uma porta três vezes falando Penny, Penny, Penny? Eu, que assisti o desfile de personalidades transitarem neste mundo nerd, como Adam West (Batman da série clássica), Bill Gates (Empresário), Wil Wheaton (Star Trek), Charlie Sheen (Two and Half Men), Stan Lee (Marvel) e Mark Hamil (Star Wars), não perdia um capítulo e tive o prazer de descobrir que crescer nerd é bom e tive finalmente orgulho de mim mesmo e minha infância repleta de super heróis, games e mangás, onde a menina mais linda que conheci casou realmente comigo e somo felizes com três lindos filhos. Mesmo que eu tenha sido critico com a oitava temporadas, onde tudo se tornou muito repetitivo, onde o humor foi trocado por boatos de ganancia financeira dos atores, e a série se tornou morna e sem atrativos, acho que Lorre conseguiu entender que a repetição estava sufocando a série e trazer um amadurecimento lento e quase imperceptível, a princípio, aos personagens.

Assuntos como games e HQs foram se transformando em fraldas e trabalho, contas e casamentos, relacionamentos e amizade, vida e morte, assim como em um dos momentos mais tristes da série, que com a morte da atriz e comediante Carol Ann Susi, a voz da mãe de Howard, Lorre fez uma grande homenagem também dando um funeral a mãe do Howard. A atriz Susi era adorada por todos na produção e também por fãs, apesar de nunca ter aparecido na série, sua voz era hilária e estridente marcou a série. Susi morreu de câncer no dia 11 de novembro 2014, aos 62 anos de idade, mas a personagem está imortalizada para sempre. E a décima primeira temporada termina e já foi anunciado que a décima segunda será o fim de uma era Nerd, com o final de série The Big Bang Theory e a despedida dos nossos amados personagens tão carismáticos e amados. O que levamos de tudo isso, muita diversão, muito aprendizado e muito, mas muito amor por nossos personagens nerds, geeks e gentis. Obrigado a Lorre e toda sua equipe por todos esses anos e que venha a última temporada.

Curiosidades: Em agosto de 2017, em entrevista à The Hollywood Reporter, o criador Chuck Lorre disse: “Nunca pensamos que chegaríamos à décima primeira temporada, nem pensamos na décima segunda. É fácil presumir que isso seria o fim da série, mas só estou impressionado de que estamos aqui. Planejamos um episódio de cada vez, isso vêm acontecendo pelos últimos dez anos e nos trouxe até aqui.” Já Kelly Kahl, presidente de entretenimento da CBS, falou que o programa não terminará tão cedo assim se depender da emissora: “Por quanto tempo conseguirmos ir; 20 anos. Espero tê-la por quando tempo pudermos.” O ator Johnny Galecki (Dr. Leonard Hofstadter) afirmou, durante o TCA 2018, que a última temporada de The Big Bang Theory deve ir ao ar em 2019. Segundo o mesmo: “A única discussão que tivemos sobre o final da série foi que todos vamos ficar muito tristes quando o dia chegar. Mas acredito que, nesse momento, todo mundo concorda que 12 temporadas é um bom período para voltar para casa e ver nossas famílias”.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

NoSet é um lugar para se divertir e descobrir curiosidades sobre cinema, séries, HQ’s, games, músicas, livros e muito mais. Além de notícias você também pode ouvir nossas opiniões pelo podcast, sempre de um jeito inteligente e descontraído. Sejam bem-vindos e sintam-se na poltrona do seu cinema favorito.

Assinar NoSet por Email

Digite seu endereço de email para receber notificações de novas publicações por email.

Junte-se a 118.164 outros assinantes

Facebook

Copyright © 2016

Topo