Demolidor: A Queda de Murdock (Das HQs para a Série) - NoSet
Livros & HQs

Demolidor: A Queda de Murdock (Das HQs para a Série)

Salve Nosetmaníacos:

d10

Demolidor – The Daredevil ( 1964).
Também conhecido como O Homem sem Medo, apelido que ganhou do Clarim Diário ao enfrentar mano a mano o incrível Hulk, Demônio da Guarda, Diabo da Guarda e D&D, Demolidor que em inglês Daredevil significa “demônio desafiador”, ou “ousado” é um personagem de HQ da Marvel Comics, criado por Stan Lee e Bill Everett. Sua primeira aparição se deu já em sua própria revista, em 1964. No Brasil, suas histórias foram publicadas pela primeira vez pela editora Ebal, em 1968. Hoje, o personagem tem revista própria pela editora Panini Comics. Na editora G.E.A., nos anos 70, o personagem recebeu o nome de Defensor Destemido, tradução que, embora extensa, é mais fiel ao original. Demolidor é o segundo herói cego das HQs, o primeiro é o Doutor Meia-Noite. Nos Anos 40, Jack Binder e Jack Cole já haviam usado o nome Daredevil em personagem que usava uma vestimenta azul e vermelha e possuía um bumerangue como arma.

d7

Frank Miller:
No início dos anos 80, um jovem desenhista e escritor chamado Frank Miller deu nova vida às histórias do herói. Com histórias de estilo cinematográfico e bem amarradas, fortemente ambientadas no submundo, na cidade de Nova York, Miller transformou o Demolidor de um personagem prestes a ter sua revista cancelada em uma referência das HQ´s. Foi o primeiro personagem dos quadrinhos de grande tiragem a ser transformado em um personagem voltado para um público mais adulto. Nessas estórias, Murdock e seu alter ego convivem com prostitutas, assassinos de aluguel, mafiosos, psicopatas, mendigos etc. Frank Miller mergulhou o Demolidor num universo realista e assustador. Mais tarde, ele viria a repetir essa formula em Batman – Cavaleiro das Trevas. Miller criou, matou (pela ação do Mercenário) e ressuscitou Elektra, em histórias que até hoje são lembradas com carinho pelos fãs.

d3

A Queda de Murdock:
Dois anos depois de deixar o título, Miller voltou para mais uma vez virar de cabeça para baixo o mundo de Murdock, com a saga “A Queda de Murdock”. Como fazer um Reboot de um personagem sem alterar seu conteúdo, sem mexer na sua história, mas apenas enquadrando-o em um novo conceito. Miller tinha a formula certa. O início da saga começa quando, a ex-namorada e ex secretária de Murdock, Karen Pag, que abandonou tudo para tentar ser atriz e terminou sua carreira como atriz pornô e viciada em drogas, para conseguir mais uma dose, vende a identidade do Demolidor a um traficante, que a após algum tempo revende a mesma ao Rei do Crime, Fisk. No início, como qualquer outro grande vilão, o Rei tem dúvidas sobre a verdade daquela informação, mesmo achando a situação hilária. A partir daí,lentamente a vida de Murdock é destruída com cortes de gás, luz, água, problemas com a justiça, em uma cena que revelando a decadência do personagem, o Demolidor espanca cruelmente todos em um bar e após grita perguntando quem tinha alguma coisa contra Matt Murdock. Foi aí partir desse ponto que o Rei do Crime, Wilson Fisk, teve certeza que tinha acertado. Em um confronto sem igual, Murdock, totalmente debilitado e sem seu uniforme, é espancado pelo Fisk em seu escritório e após jogado nos becos de Hell’s Kitchen para morrer como indigente.

d4

Felizmente o herói encontrou apoio em uma igreja da região que ajudava sem tetos e desabrigados para reencontrar suas próprias forças e se reerguer. Recebe ajuda de uma freira que o roteiro sugere ser sua mãe. Logo após sua recuperação, um soldado chamado Bazuca, com a bandeira dos EUA tatuada na cara, passa a atacar a mando do governo o bairro de Hells Kitchen, na verdade, a ordem vem de Fisk para expor novamente o Demolidor. Uma das melhores passagens é quando Murdock define através dos seus sentidos a presença do Capitão América correndo pelos telhados da vizinhança. Após aquelas sequencias de você não é bem vindo aqui e etc, ambos enfrentam o soldado Bazuca com uma certa ajuda dos Vingadores.

d6

Desta forma, acaba-se por revelar-se que o Capitão talvez não seja o único sobrevivente do projeto da criação do Super Soldado, o que preocupou demais Steve Rogers, mas isso fica para outra história. No final da história, o Capitão protege a retaguarda do Demolidor, que consegue entregar o Bazuca ao jornalista Ben Urish, do jornal Clarim Diário, o mesmo em que o Peter Parker trabalha como fotografo. É revelado o envolvimento do Rei do Crime ao atentado o que o irrita profundamente. Magnificamente desenhada por David Mazzuchelli, com traços realistas e roteirizada de forma genial e revolucionária por Miller, esta saga ficou marcada na memória dos admiradores de quadrinhos, tendo seus conceitos copiados por outros personagens conhecidos, como Batman e Justiceiro.

d1

Biografia por Stan Lee:
A história de Matt Murdock começa com seu pai. Jack Murdock que criou seu filho sozinho, querendo que Matt fosse bem mais sucedido profissionalmente. Ele sempre incentivava Matt a estudar ao invés de praticar esportes com outras crianças. As crianças do bairro Cozinha do Inferno apelidaram o “covarde” Matt de Demolidor. Matt foi descarregando suas frustrações secretamente na academia de seu pai. Um dia, um idoso cego estava atravessando a rua, e se não fosse por Matt, teria sido atropelado por um caminhão. O caminhão acaba batendo e um tubo radioativo acaba se quebrando e indo no rosto de Matt, cegando-o por toda sua vida. Enquanto se recuperava no hospital, Matt descobriu que seus quatro sentidos foram ampliados a níveis sobre-humanos.

d11

Ele também desenvolveu uma espécie de radar sensorial fazia com que ele “enxergasse” mentalmente. Anos depois, Matt foi treinado por um ninja onde aprendeu a controlar suas habilidades e a aprender artes marciais. Matt continuou a estudar e entrou na Universidade de Direito de Columbia. Lá ele conheceu seu primeiro amor, Elektra Natchios. Quando o pai dela é assassinado acidentalmente por um policial, Elektra se isola do mundo e de Matt. Enquanto isso, Jack continuava sua carreira como boxeador. Ele relutantemente aceitou a participar de uma luta feita por conhecido apenas como “O Consertador”. Para ganhar uma grande quantia em dinheiro, Jack teria que perder a luta.

d12

No entanto ele se recusa a perder e vence a luta. Mais tarde naquela noite, Jack é morto por Consertador e seus homens. O agora órfão Matt, consegue um diploma e abre uma escritório de advocacia ao lado de seu amigo e colega de faculdade Franklin Foggy Nelson. Karen Page é contratada como secretária e logo de cara se sente atraída por Matt. Nisso tudo, Matt começa sua busca por vingança. Fazendo para si um uniforme amarelo e preto avermelhado, ele passa a perseguir o Consertador e seus capangas. Ao ficar frente a frente com Matt, assassino de seu pai morre de um ataque cardíaco. Apesar da morte de seu pai ter sido vingada, Matt passa a lutar contra o crime como o Demolidor.

d14

Animações e TV:
Nos desenhos animados, O Demolidor já participou de episódios do Homem-Aranha e Quarteto Fantástico, mas nunca teve uma animação só sua. No filme O Julgamento do Incrível Hulk (1989), o personagem, chamado de “Audacioso” por adaptação da equipe de dublagem, participou como coadjuvante do filme feito para TV, onde Matt Murdock defendeu Bruce Banner no tribunal alem de ter a sua aparição na animação dos Supremos.

d8

The Movie:
Demolidor – O Homem Sem Medo (2003), com Ben Affleck e Jennifer Gardner e logo após Elektra (2005) contam a história dos dois principais personagens da Cozinha do Inferno. ganhou filme próprio. O estúdio 20th Century Fox preparava um reboot do Demolidor para manter os direitos sobre o personagem com direção de David Slade (Crepúsculo). O filme teria como base a história A Queda de Murdock. No entanto, por passar nove anos sem usar o Demolidor, os direitos de filmagem do personagem saíram da Fox e voltaram para a Marvel.

d13

Seriado:
Com séries pela Netflix em live-action baseada no Demolidor, na Jessica Jones, no Punho de Ferro e no Luke Cage, levando a uma minissérie baseada nos Defensores. CEO da Disney, Robert Iger, afirmou que a Netflix escolheu por exibir as séries, quando a Disney percebeu que poderia usar o serviço como uma maneira de popularizar as personagens. Com o sucesso já confirmado, tanto que Daredevil já está na segunda temporada e já tivemos a primeira de Jessica Jones, existe ainda a possibilidade de se tornarem filmes e migrarem para o universo do cinema, o que já acontece em pequenos e claros easter eggs que já passam entre o primeiro Vingadores e A Era de Ultron.

d5

Games:
O Demolidor faz pontas em Venom/Spider-Man: Separation Anxiety, Spider-Man, The Punisher (Matt Murdock é o advogado do O Justiceiro) e Marvel vs. Capcom 3: Fate of Two Worlds (no final de Chris Redfield, Matt é o advogado de acusação contra Albert Wesker). Em Spider-Man: Web of Fire, o Demolidor é um personagem alternativo ao se coletar ícones escritos “DD”. O filme de 2003 inspirou um jogo para Game Boy Advance. Em Marvel Ultimate Alliance, Marvel: Ultimate Alliance 2 e Marvel Nemesis: Rise of the Imperfects, o Demolidor é personagem jogável. Em Ultimate Spider-Man ele é citado quando o Homem-Aranha vê o Electro lutando com o Venom e acaba achando que ele era um herói, diz: “Ei! o que você está fazendo lutando contra outro herói? É o Demolidor não é?! E eu achando que tínhamos algo especial!”

d9

Att.
Marcelo The Moura

1 Comentário

1 Comentário

  1. Capitão Nerd Configurações

    30 de maio de 2017 em 12:22

    Diz a lenda que a terceira temporada do Demolidor da netflix será baseada no famoso arco “A Queda de Murdock”. Espero que sim, pois é certamente uma das maiores obras de todos os tempos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo