BGS: um dos melhores eventos do ano e nossas impressões e previsões para 2018. - NoSet
Games

BGS: um dos melhores eventos do ano e nossas impressões e previsões para 2018.

Conhecida por ser a maior feira de games da América Latina, a Brasil Game Show 2017 chegou ao fim e a equipe do NoSet fez a cobertura total do evento. Acompanhe o resumo do que rolou nesta 10ª Edição.

Umas das edições mais esperadas do evento, a BGS 2017 não decepcionou quando o assunto foi atrações e participações especiais. A feira teve a participação de gigantes empresas como por exemplo: Xbox, Playstation, Ubisoft entre outras…

“No sábado (14/10) a feira começou de maneira bem calma, todos ainda estavam muito dispersos por conta da grande variedade de coisas que estavam no local, mas, no período da tarde, o Palco principal onde estava ocorrendo o campeonato de Counter Strike: Global Offensive (Feminino) ficou lotado e prendeu a atenção da maioria das pessoas presentes.

“Durante todo o evento diversos stands se mantinham como foco por parte dos espectadores, e, ao decorrer da feira, os mesmos continuavam lotados e só atraindo mais e mais pessoas para as atrações. Interessante ver que o universo dos jogos e eletrônicos continua em total expansão, até as famílias presentes no evento paravam para dar atenção a todo aquele trabalho e empenho dos desenvolvedores para com seus produtos.”

Os stands Indies também chamaram grande parte da atenção por conta da simplicidade e simpatia em relação aos seus lançamentos. Destaque para a já conhecida “Behold Studios” com seu game “Galaxy of Pen Paper” que reuniu muitas pessoas para jogar. Resumidamente, podemos dizer que Galazy of Pen Paper é “um RPG de espacial baseado em turnos sobre um grupo de jogadores que jogam dados no ano de 1999! Crie seu próprio jogo e “mestre” este diferente RPG. Explore planetas distantes, enfrente estrangeiros estranhos e guarde a galáxia na era da internet discada e dos disquetes!”.

Cada gigante dos games levou suas melhores atrações para o evento e conseguiram atrair um público gigantesco para experimentar as novidades. Veja alguns dos lançamentos:

Playstation – Uncharted: the lost legacy. O game marca a união entre Chloe Frazer e Nadine Ross (oriundas de Uncharted 2 e 4, respectivamente). A trama mostra que essa união tem o propósito de recuperar um artefato chamado A Presa de Ganesh. A interação entre as protagonistas dá uma dinâmica interessante ao game e há um ganho visual com ambientações grandiosas. Jogo indispensável para os fãs da franquia e um começo promissor para quem ainda não jogou algo de Uncharted.

Activision – Call of Duty: WWII. Um dos mais aguardados games do ano teve uma ótima recepção por parte do público. Gráficos impressionantes, um verdadeiro retorno à essência da série e com versões dublada e legendada. O game exige muito mais do player e isso certamente agradará os gamers old school. A presença de uma abordagem mais realista pode impactar os gamers mais sensíveis à violência, mas certamente será muito apreciada pelos que amam uma ótima reconstituição histórica.

 

CD Projekt Red – Gwent: the Witcher card game. A transposição da saga The Witcher (famosa em games e comics) para o card game foi um sucesso por contar com personagens interessantes e necessitar de uma ótima estratégia para evitar a derrota diante de ardilosos inimigos.

RedFox – Black Desert.

Confira mais algumas imagens do evento:

O BGS desse ano foi um evento espetacular por muitos motivos…

Tivemos grandes atrações, lindos stands e muitos cosplayers de altíssimo nível (BvS A animação dos espectadores foi grande, muito em parte por causa da enorme variedade de stands e atrações.num geral foi um espetáculo, grandes atrações, stands lindos e chamativos, muitas pessoas animadas, cosplays, enfim.

Hideo Kojima está entre um dos destaques dessa BGS. Criador do sucesso Metal Gear e idealizador do sombrio Death Stranding. Hideo recebeu direto das mãos de um fã o prêmio prêmio Lifetime Achievement Award pelo conjunto de sua obra no universo dos games. Sempre simpático, Hideo aconselhou a todos que desejam produzir e ter sucesso na área de criação de jogos: “Não parem de criar, não desistam. Persistir é vital”.

Nolan Bushnell

Outro grande destaque foi o criador do Atari.  Nolan Bushnell mostrou um grande apreço por seus fãs e pelo público que sabe da importância de sua criação para o mundo dos games. Apesar da fama e do destaque na BGS, Nolan foi extremamente simpático com todos que lhe pediam fotos e autógrafos, fato que demonstra o respeito por aqueles que o ajudaram a chegar ao patamar de ícone absoluto entre os apreciadores de games. Vi muito adulto emocionado diante da simpatia e do carisma do criador do Atari.

E não poderíamos deixar de citar a presença mais do que ilustre do criador do game Mortal Kombat, Ed Boon. Estar próximo a ele foi um grande presente para nós que amamos a franquia MK e os games de luta. Muito do que temos hoje no nicho de combates entre lutadores se deve a Street Fighter e Mortal Kombat. Ed também recebeu o Lifetime Achievement Award em reconhecimento à sua obra.

Mas sem dúvida que, se você não tivesse paciência para aguardar, não iria fazer nada além de olhar. Filas estavam com previsão de 4 à 5 horas (aproximadamente) de espera para participar das atrações, pessoas que puderam ir em apenas 1 dia do evento com certeza tiveram de escolher entre, participar de atividades super. legais, como jogar ou brincar em “gincanas” que davam prêmios ou andar e conhecer todos os stands da feira. Por mais incrível que estivesse a estrutura do evento, sempre podem melhorar para atender ainda mais o grande público, porém é fato que isso ocorre em qualquer evento do porte da BGS. Enfim, é preciso paciência e ao menos dois dias no evento para curtir todas as atrações e convidados especiais.

De um jeito ou de outro, a 10ª Edição da BGS foi, sem sombra de dúvida, MUITO LEGAL!

E você? está empolgado para o ano que vem? Porque nós estamos. Obrigado BGS por nos ter concedido a honra de participar desse evento único!!!

P.S.: nossas previsões para 2018 são as melhores possíveis, principalmente depois de tudo que vi na BGS. Um ambiente perfeito para o evento, grandes nomes dos games, o Brasil Game Cup (e seu palco sensacional), cosplayers de fazer inveja, celebridades e uma estrutura à altura daquilo que o público esperava. Que venham mais 10 anos de BGS!

 

 

 

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo