Yesterday (2019) - NoSet
Cinema

Yesterday (2019)

Salve Nosetmaníacos, eu sou o Marcelo Moura e hoje vamos falar de um dos mais belíssimos filmes de 2019.

Yesterday (2019)

Direção Danny Boyle, produção Bernie Bellew, Tim Bevan, Danny Boyle, Richard Curtis, Eric Fellner e Matthew James Wilkinson, roteiro Richard Curtis, História Jack Barth e  Richard Curtis. Elenco Himesh Patel, Lily James, Kate McKinnon e Ed Sheeran, companhias produtoras Working Title Films e Decibel Films, distribuição Universal Pictures.

Com um orçamento baixíssimo de US$ 26 milhões e uma ótima receita de US$ 145 milhões em todo mundo, Yesterday é uma comédia romântica britânica de 2019, dirigido por Danny Boyle e escrito por Richard Curtis. O filme é estrelado por Himesh Patel como um músico que após um acidente se torna a única pessoa que se lembra dos Beatles; ele então se torna famoso levando crédito por escrever e tocar suas músicas. .

O projeto foi anunciado em março de 2018 e as filmagens começaram no mês seguinte em torno da Inglaterra, particularmente em Suffolk. A fotografia também aconteceu no estádio de Wembley, no Millennium Stadium e em Los Angeles. Conseguir os direitos de incluir a música dos Beatles custou aos cineastas US$ 10 milhões e, embora nenhum membro da banda estivesse envolvido na produção, Boyle recebeu bênçãos deles e de suas famílias.

Yesterday teve sua estréia mundial no Festival de Cinema de Tribeca em 4 de maio de 2019, foi lançado no Reino Unido em 28 de junho de 2019, pela Universal Pictures e foi lançado no Brasil no dia 29 de agosto de 2019. O filme recebeu críticas mistas dos críticos, com elogios à premissa, performances, tom claro e seqüências musicais, mas críticas à familiaridade e simplicidade. Yesterday recebeu uma resposta mais favorável do público entrevistado pelo CinemaScore e PostTrak

Sinopse: Jack Malik é um cantor e compositor de Lowestoft. Sua gerente e amiga de infância Ellie Appleton o encoraja a não desistir de seus sonhos. Depois que Jack é atropelado por um ônibus durante um apagão global, ele canta “Yesterday” para seus amigos e descobre que nunca ouviram falar dos Beatles. Depois de perceber que o mundo não se lembra mais da banda, Jack começa a tocar suas músicas, passando-as como se fossem suas.

Crítica: Um dos melhores filmes de 2019, a comédia romântica musical Yesterday é um dos melhores trabalhos de entretenimento para minha geração, pelo contexto e importância de sua obra, reconhecendo os Beatles como um marco histórico de uma geração e a importância disso. O trabalho do já rodado diretor Danny Boyle (Extermínio) é impecável, abusando do ScyFY contexto de um Efeito Borboleta de um mundo que simplesmente nunca teve os Beatles e o que isso gerou em nossa cultura POP, como o desaparecimento de certas marcas e eventos.

Do elenco novato temos o escritor, produtor e ator Himesh Patel (Jack Malik) roubando a cena. Patel representa a dualidade humana, com a ânsia do sucesso e o peso da responsabilidade de seus atos, uma moeda de dois lados.

O cantor e compositor Ed Sheeran esteve muito bem no filme com uma atuação até impecável frente as câmeras como ele mesmo, um produtor, compositor e cantor que vê em Malik um musico potencial e logo após uma estrela em ascendência.

Ma talvez a melhor cena, a inesquecível do filmes esteja na participação especial de Robert Carlyle como um dos Beatles (Não quis citar o nome de qual para não estragar a cena). Calyle (Ou Tudo ou Nada e Once Upon a Time) esta simplesmente único e tira lágrimas de nossos olhos com sua interpretação e lição de vida, mesmo que seja por apenas alguns minutos.

O roteiro de Richard Curtis e a história de Jack Barth e Richard Curtis são muito bem trabalhadas e respeitam os momentos certos entre as músicas, comédia e drama, sem que um não seja desnecessariamente maior ou forçadamente incluída para dar fluidez ao filme, que não cansa e agrada demais.

Curiosidades: O filme começou como um roteiro original chamado Cover Version, do escritor Jack Barth e do ator-roteirista e diretor Mackenzie Crook, com Crook pretendendo dirigir o filme. Alguns anos depois, após Crook ter desistido devido a outros compromissos, a história foi lançada ao roteirista e diretor Richard Curtis, que adorou a idéia, mas queria escrever seu próprio roteiro para ela. Enquanto na versão cover, o protagonista alcança apenas um sucesso moderado com as canções dos Beatles, o personagem principal de Curtis torna-se o cantor e compositor mais célebre do mundo. Curtis também mudou o foco para uma história de amor.

Em março de 2018, o diretor Danny Boyle e o escritor Richard Curtis foram anunciados para formar uma comédia musical que é ambientada nos anos 1960 ou 1970 e centrada em “um músico que acha que ele é a única pessoa capaz de se lembrar dos Beatles” com Himesh Patel no papel principal. O papel de apoio de Ed Sheeran foi originalmente destinado a Chris Martin, que recusou. Para o papel principal, Patel foi selecionado dentre os muitos atores que fizeram o teste, com Boyle convencido de que Patel era a escolha certa depois de ouvi-lo tocar “Yesterday” e “Back in the U.S.S.R.” durante as audições. Boyle sentiu que a voz de Patel tinha alma; Sheeran concordou. Além de atuar, as músicas cover dos Beatles no filme são cantadas por Patel, que também toca violão e piano.

Mais tarde naquele mês, Lily James e Kate McKinnon se juntaram ao elenco. Boyle fez questão de informar aos membros sobreviventes e viúvas da banda sobre o filme e recebeu uma resposta “adorável” de Ringo. Em abril de 2018, Ed Sheeran se juntou ao elenco e potencialmente também escreveria novas músicas para o filme. Sheeran foi confirmado para estrelar no final daquele mês com Ana de Armas e Lamorne Morris se juntando ao elenco. Em maio de 2018, Sophia Di Martino , Joel Fry e Harry Michell se juntaram ao elenco.

As filmagens começaram em 21 de abril de 2018, com produção no Reino Unido começando em 26 de abril de 2018, com cenas filmadas em Suffolk em Halesworth, Dunwich, Shingle Street, Latitude Festival e Clacton-on-Sea ,Essex. Uma chamada de elenco foi emitida para extras em cenas noturnas filmadas imediatamente após os quatro concertos consecutivos de Sheeran no Estádio do Principado em Cardiff, País de Gales, em maio de 2018. Outros 5.000 extras também foram recrutados para aparecer em cenas filmadas em Gorleston Beach, em Norfolk, em junho de 2018. O estádio de Wembley também foi usado para filmar uma cena de concerto.

Em fevereiro de 2019, foi anunciado que o título do filme seria Yesterday. Estima-se que custou cerca de US$ 10 milhões para obter os direitos de as músicas dos Beatles serem apresentadas no filme, com os direitos de suas músicas serem mantidos pela Apple Records e pela Sony/ATV Music Publishing. Cenas com armas, que representaram outro interesse amoroso por Jack, foram cortadas quando as audiências de teste sentiram que isso tornava Jack menos compreensivo.

As dezesseis canções dos Beatles que são apresentadas no filme são Yesterday, Let It Be, I Want to Hold Your Hand, Something, Hey Jude, I Saw Her Standing There, Carry That Weight, Here Comes the Sun, The Long and Winding Road, Help!, She Loves You, A Hard Day’s Night, In My Life, Back in the U.S.S.R., All You Need Is Love e Ob-La-Di, Ob-La-Da.

Yesterday arrecadou US$ 73,2 milhões nos Estados Unidos e no Canadá, e US$ 70,9 milhões em outros territórios, para um total mundial de US$ 144,1 milhões. Nos Estados Unidos e no Canadá, o filme faturou entre US$ 10 e US$ 15 milhões em 2.603 cinemas em seu fim de semana de abertura. O filme faturou US$ 6,1 milhões em seu primeiro dia, incluindo US$ 1,25 milhão das prévias da noite de quinta-feira. As audiências do primeiro dia consistiram principalmente de pessoas com mais de 25 anos (78%) e a maioria era do sexo feminino (54%) e etnia caucasiana (65%). Acabou estreando para US$ 17 milhões, terminando em terceiro lugar atrás de Toy Story 4 e Annabelle Comes Home. Em seu segundo fim de semana, o filme ganhou US$ 10,7 milhões, novamente terminando em terceiro (atrás de Spider-Man: Far From Home e Toy Story 4), em seguida, arrecadou US$ 6,8 milhões em seu terceiro fim de semana, caindo para o quinto lugar. Em outros territórios, o filme arrecadou para US$ 7,8 milhões, incluindo US$ 2,8 milhões no Reino Unido (onde terminou em segundo atrás de Toy Story 4) e US$ 2,5 milhões na Austrália.

No site agregador de críticas Rotten Tomatoes, o filme detém uma classificação de aprovação de 60% com base em 206 avaliações, com uma classificação média de 6,38 / 10. O consenso crítico do site diz: “Yesterday pode ficar aquém do esperado, mas o resultado final ainda é uma fantasia docemente encantadora com uma intrigante – embora um pouco sub explorada premissa”. No Metacritic, o filme tem uma pontuação média ponderada de 55 em 100, com base em 37 críticos, indicando “revisões mistas ou médias”. As audiências pesquisadas pelo CinemaScore deram ao filme um grau médio de “A−” em uma escala A+ a F, enquanto as do PostTrak deram uma pontuação geral positiva de 87% e uma 63% “recomendação definitiva”. Peter Bradshaw, do The Guardian, deu ao filme quatro de cinco estrelas, escrevendo “embora este filme possa ser um tanto piegas e incerto quanto ao desenvolvimento da narrativa, o entusiasmo e a alegria de filhotes convocados por Curtis e Boyle o levam adiante”. Robbie Collin também respondeu positivamente em sua resenha para o The Daily Telegraph, dizendo que o filme “reagrupa em grande estilo um final belamente julgado e surpreendentemente comovente, que deve muito à química de Patel e James”. Owen Gleiberman, da Variety, enquanto isso, estava menos entusiasmado, alegando que o filme tinha pouca alma e chamando-o de “rom-com papel de parede com a grandeza dos Beatles”.

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.1253/

Topo