Um Morto Muito Louco (Weekend at Bernie's) - NoSet
Cinema

Um Morto Muito Louco (Weekend at Bernie’s)

Salve Nosetmaníacos, eu sou o Marcelo Moura e hoje falamos de uma clássica comédia dos anos 90 que gerou uma continuação não tão engraçada e  uma ótima pegadinha na Pandemia em um jogo (2020).

Um Morto Muito Louco (1989): Direção Ted Kotcheff, produção Victor Drai, roteiro Robert Klane, elenco Andrew McCarthy, Jonathan Silverman, Catherine Mary Stewart e Terry Kiser. Companhia produtora Gladden Entertainment e distribuição 20th Century Fox.

Com um baixíssimo orçamento de US$ 15 milhões e uma surpreendente receita para época de US$ 30,2 milhões, além de se imortalizar nas vídeo locadoras de todo mundo, Weekend at Bernie’s (Um Morto Muito Louco) é um filme americano de humor ácido. O filme recebeu uma resposta crítica mista, mas foi um sucesso financeiro e inspirando uma continuação, Weekend at Bernie’s II, de 1993.

Sinopse: Larry Wilson (Andrew McCarthy) e Richard Parker (Jonathan Silverman) são dois amigos que trabalham em uma companhia de seguros e descobrem uma grande fraude que envolve múltiplos pagamentos de seguro antes que o segurado tivesse morrido. Depois de levarem sua descoberta ao conhecimento de seu patrão Bernie Lomax (Terry Kiser), este os convida para um fim-de-semana em sua casa de praia em Hamptons, Nova York, sem saber que ele próprio está por trás da fraude e fez o convite na intenção de matá-los pela descoberta. Um dia depois, Lomax é assassinado e seu corpo é encontrado pelos amigos. Em pânico, eles acreditam que não serão atacados pelo assassino se Lomax continuar por perto e então decidem convencer a todos de que Bernie ainda está vivo. A confusão aumenta quando Richard descobre que Gwen Saunders (Catherine Mary Stewart), a mulher por quem ele está apaixonado está na ilha também e quer conversar com Bernie. A clássica fala da personagem de Jonathan Silverman é: “Larry, o Lomax está morto.”

Crítica: Não existe nada mais imortal que a cultura pop dos anos 80 e 90 e poucos filmes conseguem contar apenas uma piada, ser muito engraçada ao ponto desta levar esta piada por todo um filme, sendo repetitiva em vários momentos e mesmo assim os fazendo rir. Isto tudo tem a ver com a visão precisa do diretor Ted Kotcheff (Rambo) e de uma química precisa do elenco e isso não falta Andrew McCarthy (A Garota Rosa Shocking e Manequim), Jonathan Silverman (Beethoven), Catherine Mary Stewart (A Primeira Transa de Jonathan) e Terry Kiser (Sexta feira 13 e Manequim). Todos envolvidos neste louco projeto de Kotcheff que dá a medida certa entre o humor com piadas galhofas e físicas que nos tiram do sério.

Em sua continuação, agora dirigido por Robert Klane (Férias Frustradas) e sem  Catherine Mary Stewart, a piada já não tem o mesmo impacto, mesmo que abusando de uma interessante música como gatilho, não funcionou bem por mais 60 minutos da mesma piada.

Curiosidades: Em 24 de janeiro de 2014, o diretor Ted Kotcheff e o roteirista Robert Klane entraram com uma ação contra a Metro-Goldwyn-Mayer e a 20th Century Fox por quebra de contrato de lucros que alegavam serem devidos pelo filme.

Andrew McCarthy recebeu o roteiro do filme com a proposta de interpretar o personagem Richard Parker. Porém, após ler o roteiro, McCarthy gostou tanto do personagem Larry que pediu para interpretá-lo.

Terry Kiser quebrou algumas costelas durante as filmagens, devido aos vários tombos que seu personagem sofre quando está morto.

A casa de Bernie não fica na verdade em Hampton Island, mas sim em uma reserva natural na Carolina do Norte. A casa foi construída no local apenas para as filmagens, com a garantia da produção de que após a realização do filme o local ficaria do exato modo como era antes.

No Rotten Tomatoes possui uma taxa de aprovação de 54% com base em 24 avaliações. O consenso do site diz: ” Weekend at Bernie’s arranca uma quantidade surpreendente de risos de sua premissa pastelão baseada em cadáveres, mas uma piada só pode não levar um filme até o final.” No Metacritic tem uma pontuação de 32 de 100 com base em análises de 5 críticos, indicando “análises geralmente desfavoráveis”. O público pesquisado pela CinemaScore deu ao filme uma nota de “B” em uma escala de A + a F.

Peter Travers, da Rolling Stone, chamou o filme de “insípido” e “bruto” e sentiu que no final era impossível “arrastar uma piada cansativa por quase duas horas. Como Bernie, o filme acaba morrendo de medo”. Roger Ebert ecoou esse sentimento, argumentando que filmes centrados em cadáveres raramente são engraçados. Ebert deu ao filme 1 de 4 estrelas no geral.

Os créditos finais do filme incluem a canção “Hot and Cold”, interpretada pela cantora americana Jermaine Stewart . Foi escrito por Andy Summers e Winston “Pipe” Matthews, e produzido por Richard Rudolph e Michael Sembello . A canção foi lançada como single pela Arista nos Estados Unidos em junho de 1989 para promover o filme.

O filme é citado e referido na série de TV How I Met Your Mother , durante a qual os personagens tentam reconstituir comicamente a trama do filme. O filme é revelado como o favorito de Rachel Green (interpretada por Jennifer Aniston ) na temporada 4, episódio 12 da série de TV Friends , intitulada ” The One with the Embryos “.

Na temporada 6, episódio 12 de It’s Always Sunny In Philadelphia , Dennis Reynolds tenta remover silenciosamente o que parece ser um paciente falecido de um quarto de hospital colocando óculos escuros nele e rolando-o em uma cadeira de rodas. O esquema, que pretendia liberar um quarto para sua irmã Dee, que está nos primeiros estágios do parto, logo foi revelado como inspirado no filme.

“Weekend at Benson’s”, episódio de Regular Show em que os protagonistas, Mordecai e Rigby, levam seu chefe inconsciente Benson para uma festa, é uma referência direta ao filme.

O pôster do filme é um dos muitos exibidos nas paredes de Jake English na webcomic Homestuck . A própria webcomic também contém várias piadas não relacionadas envolvendo o uso de corpos empalhados, mas provavelmente inspirando-se em Weekend at Bernie’s.

A série Murdoch Mysteries da 10ª temporada , episódio 8 “Weekend at Murdoch’s” tem Crabtree, Higgins e Murdoch “reanimando” Roger Newsom com uma cadeira de rodas especialmente equipada para pegar um assassino.

Um recorte de papelão de Bernie foi colocado atrás do “home plate” durante um jogo do Kansas City Royals no estádio vazio em agosto de 2020, durante a temporada afetada pela pandemia de COVID-19.

Um Morto Muito Louco II (Weekend at Bernie’s II): Direção Robert Klane, produção Victor Drai e Joseph Perez, roteiro Robert Klane, elenco Andrew McCarthy, Jonathan Silverman e Terry Kiser, distribuição 20th Century Fox.

Com um orçamento bem menor que seu original em US$ 7 milhões e uma boa receita para os anos 90 de US$ 12,7 milhões, Weekend at Bernie’s II (Um Morto Muito Louco 2) é um filme americano de humor acido e o sucessor de Weekend at Bernie’s, de 1989. Ao contrário de seu antecessor, Weekend at Bernie’s II recebeu críticas negativas e foi um sucesso menor de bilheteria. Weekend at Bernie’s II marcou o último papel de Steve James, que morreu de câncer pancreático alguns meses após o lançamento do filme.

Sinopse: “Sequência de “Weekend at Bernie’s”, no qual a dupla de amigos faz de tudo para esconder o corpo do chefe. Agora Larry Wilson (Andrew McCarthy) e Richard Parker (Jonathan Silverman) voltam a Nova York e descobrem que foram despedidos. Roubam o cadáver do chefe e vão às Ilhas Virgens para limpar seus nomes, seguidos por um tenaz investigador e dois atrapalhados membros de uma seita.   ”

Curiosidades: Weekend no Bernie’s II é mencionado no episódio “The Comeback”, da oitava temporada do seriado Seinfeld. O filme é apresentado na prateleira da equipe em uma locadora de vídeos. Kramer recomenda-o a Elaine como “uma premissa hilariante”. Elaine aluga, apenas para ficar desapontada e, eventualmente, gritando “Bernie está morto, seus idiotas!” na televisão enquanto assistia.

Da mesma forma, em um episódio de NCIS, um personagem que precisa estabelecer um álibi tem vergonha de dizer qual filme ele estava assistindo. A equipe supõe que ele estava assistindo a um filme pornô, mas ele eventualmente admite que foi Weekend no Bernie’s II, ao qual o agente nerd do filme, DiNozzo, diz: “Ainda pior”.

O filme é mencionado no episódio “How Lily Stole Christmas” do seriado How I Met Your Mother, quando Ted tenta insultar Lily por ter um fraco senso de humor. “Lembre-se daquela vez que a ouvimos rindo, e achamos que ela estava assistindo Weekend at Bernie’s, mas aconteceu que ela estava assistindo Weekend at Bernie’s 2!” Este filme também é referenciado no episódio How I Met Your Mother “Weekend at Barney’s”.

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.1253/

Topo