Invasão Zumbi ou Trem para Busan (2016): - NoSet
Cinema

Invasão Zumbi ou Trem para Busan (2016):

Salve Nosetmaníaco, eu sou o Marcelo Moura e hoje vamos falar de um ótimo filme Coreano sobre Zumbis. 

Train to Busan (2016):

Dirigido por Yeon Sang-ho, produzido por Lee Dong-ha, escrito por Park Joo-suk, estrelando Gong Yoo, Ma Dong-seok, Jung Yu-mi, Kim Su-an, Kim Eui-sung, Choi Woo-shik e Ahn So-hee. Trem para Busan é um filme sul-coreano de 2016 de terror e suspense sobre o apocalipse zumbi, dirigido por Yeon Sang-ho e estrelado por Gong Yoo , Jung Yu-mi e Ma Dong-seok. O filme foi aclamado mundialmente, principalmente pelo estilo de filmagem e o estilo agressivo dos Zumbis, além do interessante drama no roteiro, algo entre The Walking Dead e Guerra Mundial Z. Em 7 de agosto, o filme estabeleceu um recorde como o primeiro filme coreano de 2016 para quebrar o recorde de audiência com mais de 10 milhões de espectadores.

Sinopse: Seok-Woo, um gerente financeiro divorciado, é um pai workaholic e ausente a sua filha nova, Su-an. Para seu aniversário, no dia seguinte, ela deseja para seu pai para levá-la a Busan para ver sua mãe. Eles embarcar no KTX em uma estação em Seul , que também é ocupado pelo marido da classe trabalhadora dura Sang-hwa e sua esposa grávida Seong-kyeong, uma equipe de beisebol colegial, um rico, mas egoísta CEO Yon-suk, irmãs idosas Em -gil e Jon-gil, e um homem sem teto. À medida que o trem parte, uma jovem embarca no trem com uma ferida na perna. A mulher sucumbe à mordida e transforma-se em um zombi, atacando uma atendente do trem que também se transforme rapidamente em um zombi e assim a infecção se espalha por todo o trem.

Crítica: O interessantíssimo filme de terror sul-coreano é uma aula de cinema moderno, com um roteiro interessante e raso o suficiente para não desfocar das estrelas principais do filme, um show de efeitos, sem abusos de maquiagem ou efeitos especiais e uma orda de famigerados zumbis de dar medo. O diretor Yeon Sang-ho consegue criar cenas de impacta incríveis, principalmente nas estações do trem, é impossível você não se sentir angustiado ou dizer “ferrou” quando a massa de zumbis corre em direção do elenco principal, e isso se repete cada vez com mais intensidade. Como já falei anteriormente, o diretor parece adaptar de maneira positiva o drama de The Walking Dead com o terror de Guerra Mundial Z e Eu Sou a Lenda, sem se comprometer com o pontos negativos de cada um citado. No elenco, Gong Yoo , Jung Yu-mi e Ma Dong-seok estão imensamente comprometidos em atuar de maneira convincente com o pouco tempo que possuem para o mesmo e correr feito loucos a maior parte do filme. A menininha Kim Soo-Ahn da uma show a parte, como uma menina decidida no meio de tantos momentos sufocantes dramáticos. O pseudo vilão Kim Ui-Seong quase consegue roubar o filme dos zumbis de tão humano e egoista que está, mostrando que a confiança em momentos difíceis é uma moeda rara. No começo você até sente o impacto das diferenças culturais entre o Ocidente e o Oriente, mas quando o terror come solto todo mundo ou é humano ou é zumbi. Em dezembro de 2016, foi anunciado pela Variety que Gaumont irá produzir um remake em Inglês do Trem para Busan, algo muito parecido com o espanhol REC.

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.1253/

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo