Crítica | O Escândalo - NoSet
Review

Crítica | O Escândalo

Assédio é uma tema que vem cada vez mais sendo abordado pela sociedade, e quando falamos de trabalho geralmente se trata de moral, mas se nós olharmos para o lado feminino dentro de uma empresa há outro tipo de assédio que é ainda pior, o assédio sexual, problema em que milhares de mulheres se encontram na atualidade. O filme aborda como tema central o drama que as mulheres enfrentam em seus ambientes de trabalho e que em muitos dos casos ficam impunes por medo de perderem o emprego ou por desencorajamento das demais que infelizmente acham que algo tão horrível seja normal.

O filme aborda com maestria essa temática e nos apresenta um drama muito bem construído, também não poderia ser por menos, já que a escolha das atrizes foi muito feliz, com ótimas atuações as três atrizes principais (Charlize Theron, Nicole Kidman e Margot Robbie) demonstram os dramas sofridos por cada uma em seu trabalho no canal de notícias Fox News. De inicio o filme apresenta muitas informações e parece pender para uma intriga entre a personagem Megyn Kelly (Charlize Theron) e o até então candidato à presidência Donald Trump, porem no desenrolar da historia compreendemos que na verdade a sua peça central é o presidente da emissora Roger Ailes (John Lithgow) que na verdade é o grande assediador da história.

A palavra que melhor define o filme é medo, pois é nítido que esse é o sentimento que mais envolve as personagens, seja medo de perder o emprego, de não conseguir entrar em outra emissora devido a vasta influencia que o figurão tem nesse meio ou até mesmo medo de não conseguir ter uma carreira solida e prospera dentro da empresa. Ailes (John Lighgow) usa e abusa do seu poder, deixando os espectadores com um desprezo imenso de suas atitudes e se esconde atrás de uma figura frágil e idosa como um lobo em pele de cordeiro. Um fato interessante é que o filme é baseado em uma historia verídica, em que uma ancora chamada Gretchen Carlson (Nicole Kidman) após ser demitida decide processar Ailes (John Lighgow) por assédio sexual, e consegue  ajuda de uma icônica ancora da mesma emissora Megyn Kelly (Charlize Theron) e outras funcionárias e ex-funcionárias da emissora de televisão.

Um fato curioso do filme é a construção da trama da personagem Kayla Pospicil (Margot Robbie) que é a única personagem fictícia do filme, ela foi construída como uma peça para demonstrar os dramas sofridos pelas verdadeiras assediadas e abusas por Ailes (John Lighgow) na vida real. Com uma trama muito solida e bem construída o filme te envolve e você passa a compreender as dificuldades que as mulheres tem em ambientes de trabalho toxico e abusivos, tendo que se rebaixar ou se adequar as vontades doentias e nada convencionais de seus chefes. Definitivamente é um filme que merece a sua atenção e recomendo a você caro leitor que após terminar essa leitura procure a unidade mais próxima da Cine System para assistir esse ótimo filme.

SINOPSE

O Escândalo traz um olhar revelador dentro do mais poderoso e controverso império de mídia de todos os tempos, com a história pulsante das mulheres que afrontaram e derrubaram um infame homem à frente deste império.

 

ELENCO

Nicole Kidman, John Lithgow, Margot Robbie, Charlize Theron, Kate McKinnon, Connie Britton, Mark Duplass, Delaney, Malcolm McDowell, Charles Randolph.

 

DIREÇÃO

Jay Roach

 

GÊNERO

Biografia / Drama

 

DURAÇÃO

114 minutos

Topo