Pais e filhos amarão "Detetives do Prédio Azul 2: O Mistério Italiano" - NoSet
Cinema

Pais e filhos amarão “Detetives do Prédio Azul 2: O Mistério Italiano”

Transpor uma série de TV para o cinema é uma tarefa ingrata. Afinal, ter vários capítulos para desenvolver personagens e ideias é bem mais fácil do que resumir uma história em 2 horas ou menos. Detetives do Prédio Azul é uma série do Gloob amada por muitas crianças (e pais) por ter um elenco competente, carismático e divertido.

A primeira investida dessa transposição para o cinema não foi 100% bem sucedida, fruto de uma narrativa muito acelerada e também de um roteiro que não privilegiava o melhor da série que é a interação entre bruxos e humanos. Mas ao menos essa tentativa serviu para melhorar a sequência e, finalmente, chegamos a Detetives do Prédio Azul 2: O Mistério Italiano, o segundo longa-metragem que trouxe muita diversão, um roteiro certinho, elenco de primeira e efeitos especiais bem feitos e à altura da aventura.

Assisti ao longa com meus filhos e eles são os melhores “índices” de aceitação que eu posso ter. Ao longo do filme pude perceber os risos, a identificação com os personagens e também a emoção de ver seus personagens preferidos na telona… do jeitinho que eles queriam. Ao final, perguntamos se eles haviam gostado e, obviamente, ouvimos um sonoro “sim”. Cá pra nós, só o sorriso deles já entregava o real sentimento de alegria.

Sobre o que é DPA 2?

DPA 2 mostra um pouco mais da relação de Pippo (Pedro Henriques Motta) com seu nonno Giuseppe (Antonio Pedro) que mora na Itália. Pippo gosta muito do avô e gostaria de tê-lo por perto, mas o vovô e o papai travam uma pequena luta de teimosia que os mantêm afastados. No meio dessa confusão, Sol (Letícia Braga), Bento (Anderson Lima) e Berenice (Nicole Orsini) tentam ser selecionados em um concurso de talentos promovido por uma suspeita dupla composta por Maximus (Diogo Vilela) e Mínima (Fabiana Karla).

No meio dessa trama, Leocádia (Cláudia Netto) e Theobaldo (Charles Myara) são convidados para a Expo-Bruxo, uma verdadeira convenções de bruxos na Itália.

Entre a seleção de talentos e a atrapalhada ida de Theobaldo e Leocádia para a convenção, todos param na Itália para resolver mais um mistério e tentar acabar com os planos sombrios de Maximus e Mínima… com a ajuda do vovô Giuseppe, claro.

Ambientação e efeitos.

Os cenários são em sua maioria externos, o que volta a ampliar o raio de ação da turminha do Prédio Azul. Apesar de focado nos detetives, Berenice, Leocádia e Theobaldo, todos os principais personagens da série têm presença garantida no filme.

Boa parte do longa foi filmado mesmo na Itália e contou com figurantes de lá. Alguns dos atores tiveram que se esforçar para aprender um pouco do idioma e dar mais credibilidade ao resultado final.

Quanto aos efeitos especiais, esses estão muito melhores que os vistos no primeiro filme. Apesar de ainda limitados em alguns pontos, certamente convencem o público alvo que é composto majoritariamente por crianças.

Mudança de elenco.

Assim como as boy bands onde os integrantes são substituídos com o passar do tempo, DPA também sofre com isso. Gradualmente os detetives são substituídos, já que eles crescem e deixam de ser crianças. Em sua 12ª temporada no Gloob, o trio original foi substituído e agora, aparentemente, Bento (Anderson Lima) e sua família se despedem do elenco. Essa explicação é necessária, principalmente se você só acompanha os filmes, pois até mesmo a bruxa Leocádia, anteriormente interpretada por Tamara Taxman, foi substituída pela atriz e cantora Cláudia Netto.

Essa evolução é necessária e é bom relembrar que mesmo com tais mudanças a série é a de maior sucesso no canal Gloob.

Notas finais.

A competente direção de Vivianne Jundi e o roteiro de Flavia Lins e Silva e L.G. Bayão garantem a sensação de que estamos vendo algo vinculado à série, sem deslocar pais ou pequeninos daquilo que estão acostumados. Mesmo assim, novos elementos são inseridos e personagens são desenvolvidos, o que amplia a mitologia criada nessas 12 temporadas.

Com o uso de muita ação, cenas divertidas, humor equilibrado e um elenco que sabe o que faz, Detetives do Prédio Azul 2: O Mistério Italiano é uma ótima pedida para toda a família. Venham viver a magia de DPA 2 nos cinemas!

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo