Monstros S.A . & Universidade Mostro (2001 - 2013): - NoSet
Cinema

Monstros S.A . & Universidade Mostro (2001 – 2013):

Salve Nosetmaníacos. Noset assistiu aos filmes e indica.

20030109225005_95

Monstros S.A. (2001):

Direção Pete Docter, codireção David Silverman e Lee Unkrich, roteiro Pete Docter, Jill Culton, Jeff Pidgeon, Ralph Eggleston, Andrew Stanton e Daniel Gerson, elenco John Goodman, Billy Crystal, Steve Buscemi, James Coburn, Jennifer Tilly, Mary Gibbs, John Ratzenberger, Steve Susskind, Frank Oz, Daniel Gerson, Bonnie Hunt, Jeff Pidgeon e Sam Black. Produção Pixar Animation Studios e distribuição Walt Disney Pictures.

Monsters-inc-wallpapers-2

Enredo: O filme conta a história sobre monstros que assustam crianças para conseguir seus gritos e gerar energia para seu mundo. A cidade em que se desenrola boa parte ação, Monstrópolis, é bem similar ao mundo dos humanos, exceto pelos seus habitantes: monstros, com todos os caracteres, chifres, dentes afiados, cores berrantes, partes do corpo com tamanho desproporcional, pelos, garras ou aspecto asqueroso. Mike e Sullivan são monstros empregados da firma Monstros S/A. Sua tarefa é assustar crianças pequenas todas as noites. Assim, quando as crianças gritam, é armazenada uma certa quantidade de energia, vital para a sobrevivência e a comodidade do mundo dos monstros. Tudo muda quando a pequena humana Boo entra em suas vidas.

monsters-inc-sulley-and-mike-wallpaper-1280

Curiosidades: Quando Sulley está para se despedir de Boo, ela quer brincar com ele lhe oferecendo uma bola amarela com uma faixa azul e uma estrela vermelha de Toy Story, a boneca Jessie de Toy Story 2 e Nemo de Procurando Nemo, filme seguinte da Disney/Pixar, de 2003. Existem posters da Disneyland na loja de viagens em Monstrópolis e nos quartos de algumas crianças. A criança artificial que aparece no começo é incrivelmente idêntica ao garoto Andy de Toy Story. Quando Boo pega um DVD no apartamento de Sulley e todos caem, o DVD que ela está segurando é nitidamente o de Vida de Inseto. O papel de parede de nuvens do quarto de Andy de Toy Story é rapidamente visto como um dos papéis de parede que Radall usa para testar suas habilidades de camaleão. Em um dos quartos que os monstros entram tem um pôster de Paul Bunyon. No quarto de Sid em Toy Story também tem um pôster de Paul Bunyon, provavelmente o mesmo pôster. O disfarce de Boo é idêntico ao brinquedo Babuska de Toy Story. Durante a perseguição de portas, dois quartos especificam sua localização (França e Japão) onde se encontram os dois parques temáticos da Disney. Após a perseguição de portas, quando Sully captura Randall para jogá-lo em um quarto e Mike abre a porta, dá para ver claramente um boneco de Procurando Nemo. O quarto em que Randall é arremessado por Sulley é o mesmo Trailer que aparece em Vida de Inseto e ao lado aparece o carro do Pizza Planet. Em um dos erros, há referência a Toy Story: quando Mike e Sulley vão atravessar a rua e encontram um monstro, que no filme é Ted Pauley. No erro, é Rex, de Toy Story. Mike faz uma pequena aparição nos créditos de Procurando Nemo, nadando. É a 3ª e última animação da Pixar a exibir os erros de gravação nos créditos finais, anteriormente foi Vida de Inseto de 1998 e Toy Story 2 de 1999. Na cena em que Sully atrai Boo para o quarto com uma trilha de biscoitos, é uma paródia de ET o extraterrestre. Na cena quando o Sulley, Randall e outros monstros assustadores estão se aproximando em direção a câmera, faz a referência dos astronautas do filme Armageddon 1998. No final do filme é revelado que Mike reconstruiu a porta de Boo que, havia sido esmagada pela CDA. Sullivan então coloca o último pedaço da porta, permitindo que esta abra o buraco de minhoca novamente para a Terra. No final, Sullivan reencontra Boo. Durante os créditos, além de serem exibidos os erros de gravação, é mostrado que Mike e Sulley fizeram uma peça teatral musical sobre suas aventuras com Boo.

418011
Universidade Monstro (2013):

Direção Dan Scanlon. Com Billy Cristal, John Goodman, Peter Sohn, Charlie Day, Helen Mirren, Steve Buscemi, Joel Murray e Dave Foley. Monsters University uma animação produzida pela Pixar Animation Studios e distribuído pela Walt Disney Pictures. É uma prequela do filme de 2001 Monsters, Inc. e foi o décimo quarto filme a ser produzido pela parceria Disney-Pixar, e a primeira prequela da produtora, depois de continuações para Toy Story e Cars. O filme foi lançado mundialmente em 2013. É terceira maior bilheteria da Pixar, perdendo apenas para Procurando Nemo e Toy Story 3.

wallup.net

Sinopse: Mike Wazowski entra na Universidade Monstros para realizar seu sonho de se tornar um assustador na Monstros S.A. Logo conhece seu companheiro de quarto, o tímido Randall Boggs, que sonha em se tornar popular e o arrogante e brincalhão James P. Sullivan, ambos no mesmo curso que ele. Após Sulley raptar o mascote da Universidade Federal do Medo e Mike ajudar a capturá-lo, Sulley é convidado para se unir à fraternidade Ruge Ômega Ruge, formada pelos monstros mais populares da Universidade. O desprezo a Mike quando ele tenta tomar crédito acaba por gerar uma rivalidade entre os dois.

254147

Curiosidades: Planos para uma sequência de Monsters, Inc. existem desde 2005. Após desentendimentos entre o CEO da Disney Pictures, Michael Eisner, e o antigo dono da Pixar Studios, Steve Jobs, a Disney, que então detinha os direitos de fazer continuações de todos os filmes da Pixar até Cars, anunciou que a sequência de Monsters, Inc. seria feita pelo Circle 7 Animation. Porém, a Disney mudou de gestão no final de 2005, com a substituição de Eisner por Robert Iger, renovou as negociações com a Pixar e, no final de 2006, a Disney anunciou que a sequência do filme seria feita pela parceira Disney-Pixar. A Disney que então detinha os direitos de produzir sequências de filmes, os passou para a Pixar, cancelando o contrato com Circle 7. A Pixar confirmou a sequência em 2010 e em 5 de abril de 2011, foi anunciado que a data de lançamento do filme mundialmente seria 21 de junho de 2013. Essa foi a décima quarta produção da Pixar. Em 29 de março de 2011, foi confirmado que o filme seria uma prequela e seu título, Monsters University.

original

Crítica: Indicado ao Oscar em inúmeras premiações, com um orçamento de US$ 115 milhões e a bilheteria mundial de US$ 563 milhões, além da venda de produtos e marcas no mundo inteiro, Monstros S.A. (2001) foi uma das melhores e mais brilhantes animações que vimos no mercado cinematográfico e uma das mais difíceis de ter continuação, diferentes da Era do Gelo e Toy Story, havia sempre um pequeno probleminha entre a Pixxar e a Disney para que a sequência pudesse ser feita. O Trabalho de John Goodman e Bill Crystal, atores incríveis de comédias dos anos 80 como Os Flindstones (o filme) e A Máfia no Divã, não serão tão lembrados quanto suas vozes dando vida aos incríveis personagens Mike e Sullivan, e suas incríveis trapalhadas para salvar a pequena Boo e enviá-la para casa a salva. Além disso o filme tem um dos melhores e mais criativos roteiros que já vi, que faz rir toda a família de tão divertido que é, além dos miçhares de Easter Eggs e personagens coadjuvantes como o Abominável Homem das Neves. É imperdível. Universidade Monstro (2013) é finalmente a continuação tão esperada da clássica animação Monstros S.A (2001), produção da fabulosa Pixxar, junto com a Legendária Disney. Sempre nos perguntamos o porquê de tanta demora, pois são personagens adorados e assim como Toy Story, Carros ou Shrek, merecia uma continuação de alto nível. Mas por algum motivo inexplicável de interesses internos e lucros exorbitantes, como no caso de Nemo, demorou mais de dez anos para que isso acontecesse. Os primeiros rumores surgiram em 2011 de uma possível continuação e no mesmo ano, foi confirmado o projeto. A dupla hilária do elenco principal permanece a mesma, a sincronia entre o humorista Billy Cristal (Máfia no Divã) e o ator John Goodman (Se Beber não Case – Parte 3) continua fenomenal. O diretor Dan Scanlon faz sua estreia de maneira competente em Hollywood como diretor e roteirista do filme, substituindo o fantástico time de diretores de Monstro S.A., como Pete Docter (Up, Altas Aventuras), David Silverman (Simpson – O Filme) e Lee Unkrich (Procurando Nemo) e dos roteiristas Pete Docter (Toy Store), Andrew Stanton (Wall-E), Jill Culton (O Bicho vai Pegar) e o iniciante Ralph Eggleston. Seria uma forma de economizar? O filme é muito bem feito, a escolha de voltar no tempo e começar do zero, no início da amizade entre Mike e o grandão Sullivan foi até arriscada, mas se desenrola bem no contexto. Novamente Mike é um personagem engraçado e até carismático e a fase infantil, que dura os primeiros 15 minutos do filme é linda e poderia até ser um pouco mais explorada. A fase na Universidade, revendo alguns antigos personagens e colocando novos, funciona bem. O principal problema ao meu ver no filme Universidade Monstro é a ausência da personagem principal do filme Monstros S.A.. A totalmente carismática e amada por milhões Boo (Mary Gibbs), que por uma questão óbvia de escolha de roteiro, não está neste filme e isso faz muita falta. Isso me faz concluir que Monstros S.A. é realmente melhor do que Universidade Monstro. De qualquer maneira, o filme é bom para qualquer idade e faz dele uma franquia de sucesso. Mas por gentileza, Pixxar e Disney, no terceiro voltem com a Boo, ela faz muita falta. Com o dobro do orçamento original, US$ 240 milhões, o filme bateu a belíssima receita de US$ 744 milhões em todo mundo e aparentemente encerrou a franquia.

monsters-inc-wallpaper-hd-1885-2034-hd-wallpapers
Att.
Marcelo The Moura

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo