Lethal Weapon - Máquina Mortífera (1987/1989/1992/1998): - NoSet
Cinema

Lethal Weapon – Máquina Mortífera (1987/1989/1992/1998):

Salve Nosetmaniacos. Noset assitiu a franquia e indica.

maquina-1

Lethal Weapon – Máquina Mortífera (1987):

Direção Richard Donner, roteiro Shane Black, elenco Mel Gibson, Danny Glover, Gary Busey, Mitch Ryan e Tom Atkins, Lethal Weapon é um filme americano de ação, comédia e policial.

Sinopse: Um detetive famoso por sua ousadia e sangue frio e um pacato e tranquilo policial que está a espera da aposentadoria se juntam em uma missão para desbaratar uma quadrilha internacional de traficantes de drogas composta por ex-militares da guerra do Vietnã.

maquina-9

Crítica: Clássico dos anos 80 e 90, Máquina Mortífera está no mesmo pacote das famosas franquias rentáveis Duro de Matar, 48h, Um Tira da Pesada e quase no final A Hora do Rush, onde a fórmula de policiais em situações engraçadas no meio do drama se proliferou e criou uma legião de fãs em todo mundo. O diretor Richard Donner é um lenda do cinema e tem no seu currículo Superman, os Goonies, Maverick e O Feitiço de Áquila. Em Máquina Mortífera  juntou o psicótico Mel Gibson (Martin Riggs), já famoso por seu papel na franquia MAd Max e o veterano Danny Glover (Roger Murtaugh), incrível ator que assombrou em seu papel em A Cor Púrpura. A amizade e química entre os atores foi tanta junto ao público, que em 1994, no filme Maverick, parceria Donner e Gibson, na cena de um roubo ao banco, Glover faz uma hilária ponta quase reconhecendo seu parceiro policial.

Curiosidades: Lethal Weapon tem recepção favorável por parte da crítica especializada. Com tomatometer de 84% em base de 50 críticas, o Rotten Tomatoes publicou um consenso: “A parcela de maior sucesso em uma série de sucesso fenomenal, Lethal Weapon ajudou a redefinir filmes de ação para os anos 1980 e 1990”. Para atuar nas cenas de ação de Lethal Weapon, Mel Gibson teve que aprender três formas de artes marciais: jiu-jitsu, capoeira e o jailhouse rock (uma forma de luta dos escravos americanos). A cena final do filme, em que o personagem de Mel Gibson luta durante cinco minutos debaixo de chuva, foi rodada em quatro noites. O famoso dublê Dar Robinson, morreu num acidente de motocicleta logo após o término das filmagens e o diretor Richard Donner dedicou o filme a ele. O diretor italiano Franco Zeffirelli decidiu convidar Mel Gibson para protagonizar o filme Hamlet, de 1990, após assistir a cena da tentativa de suicídio que o ator fez em Lethal Weapon. Este é o único filme da série em que na cena de introdução dos vilões à trama, não há ocorrência de assassinato.

maquina-4

Lethal Weapon 2 = Máquina Mortífera 2 (1989):

Direção Richard Donner, roteiro Jeffrey Boam, elenco Mel Gibson, Danny Glover, Joe Pesci, Joss Ackland e Patsy Kensit. Lethal Weapon 2 é um filme americano de ação, comédia e policial baseado em história de Shane Black e Warren Murphy.

Sinopse: Os policiais Riggs e Murtaugh precisam proteger um informante que tem informações sobre o envolvimento de diplomatas sul-africanos com o tráfico de drogas e que usam a imunidade para cometer os crimes.

maquina-10

Crítica: As loucuras da dupla continuam a cem por hora, junto com a relação complicada de quase irmãos entre Mel Gibson (Martin Riggs), que sabe que se perder seu parceiro para aposentadoria sua vida não fará mais sentido e um Danny Glover (Roger Murtaugh), entre sua família e seu parceiro que passou a amar e respeitar em suas loucuras. A inclusão do ator dramático e humorista Joe Pesci (Leo Getz) funcionou bem, Pesci que já estrelou filmes como Os Bons Companheiros e Esqueceram de mim, sabe aproveitar bem o que lhe oferecem e está engraçado demais sendo quase chicoteado por Riggs.

Curiosidades: Na cena do desabamento de uma luxuosa casa envidraçada, foi utilizada uma casa verdadeira no valor de 350 mil dólares, cujas fundações foram cuidadosamente enfraquecidas e providas de dobradiças. Lethal Weapon 2 custou trinta milhões de dólares e rendeu mais de quatro vezes este valor, apenas no mercado americano. A princípio, o personagem Leo, seria um efeminado, mas o ator Joe Pesci não o queria assim e teve a ideia de tornar o personagem um “puxa-saco” e o diretor gostou e assim foi feito. Riggs originalmente morreria no barco, mas os produtores decidiram fazer mais filmes e assim ele sobreviveu mesmo tendo sido atingido três vezes por tiros. Este foi o terceiro filme mais rentável na América do Norte em 1989,, atrás apenas de Batman (1989) e Indiana Jones e a Última Cruzada. Este é o único filme da série onde o trailer, em que Riggs mora é atacado pelos bandidos, nos demais filmes da franquia não ocorreu nenhum ataque.

maquina-2

Lethal Weapon 3 – Máquina Mortífera 3 (1992):

Direção Richard Donner, roteiro Jeffrey Boam, elenco Mel Gibson, Danny Glover, Joe Pesci e Rene Russo. Lethal Weapon 3 é um filme americano de ação, comédia e policial, dirigido por Richard Donner e baseado em história de Jeffrey Boam e Robert Mark Kamen.

Sinopse: Às vésperas de sua aposentadoria, o policial Roger Murtaugh se vê envolvido por seu parceiro em uma perigosa investigação para desbaratar uma quadrilha de ladrões de armas

maquina-12

Crítica: A introdução de Rene Russo (Lorna Cole) como parceira romântica de entre Mel Gibson (Martin Riggs) foi sensacional. Russo se diverte fazendo a versão feminina de Riggs e principalmente o carinho do diretor Donner, que consegue a cada nova filmagem, criar algo novo e interessante não desgastando a fórmula.

Curiosidades: O diretor Jan de Bont, de Velocidade Máxima e A Casa Amaldiçoada, trabalhou em Lethal Weapon 3 como diretor de fotografia e fez também uma pequena participação como ator, como um cameraman alemão. O prefeito da cidade de Orlando, na época das filmagens de Lethal Weapon 3, Bill Frederick, fez uma pequena participação no filme, atuando como o policial que diz Bravo aos policiais Riggs e Murtaugh, após a explosão de um prédio, logo no início do filme. Este foi o único filme da série que os bandidos não invadiram a casa de Murtaugh e foi o único filme da série que teve uma cena pós-crédito.

maquina-7

Lethal Weapon 4 – Máquina Mortífera 4 (1998):

Direção Richard Donner, roteiro Jonathan Lemkin, Alfred Gough e Miles Millar, elenco Mel Gibson, Danny Glover, Joe Pesci, Rene Russo, Chris Rock e Jet Li.

Sinopse: A polícia de Los Angeles investiga uma quadrilha que promove a entrada ilegal de chineses nos Estados Unidos, os quais são vendidos como escravos. Por trás desta operação está “tio Benny”, o chefão de uma grande quadrilha em Chinatown.

maquina-11

Crítica: Um dos filmes mais adorados e odiados da franquia, Máquina Mortífera 4 é um encerramento com chave de ouro, não só por ser o filme mais caro da franquia, mas por abordar situações em que os filmes anteriores não abordaram. Existe exageros, como a cena da perseguição em que o carro atravessa um prédio, o filme por ter um elenco maior tem menos situações dramáticas da dupla Mel Gibson (Martin Riggs) e Danny Glover (Roger Murtaugh), mas mesmo assim funciona bem e inclui o humorista Chris Rock (Lee Butters) no elenco e o ótimo vilão Jet Li (Wah Sing Fu), lembrando demais seu mestre Bruce Lee, provavelmente uma homenagem, já que Lee nunca fez papel de vilão em filmes. A cena final de Gibson lutando com Li é insana, entre a loucura de Gibson e todo o talento de Li, além de ver Glover tentar de qualquer maneira ajudar seu parceiro e amigo.

maquina-8

Att.

Marcelo The Moura.

 

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo