O Espetacular Homem-Aranha de Andrew Garfield (Erros e Acertos): - NoSet
Cinema

O Espetacular Homem-Aranha de Andrew Garfield (Erros e Acertos):

Salve Nosetmaníacos, eu sou o Marcelo Moura e junto com meu amigo o Emissário Zen – hai, vamos falar da franquia do Espetacular Homem Aranha, principalmente seu filme de 2014, com os principais erros e acertos.

aranha-4

Espetacular Homem-Aranha 2 (2014):

The Amazing Spider-Man 2 é um filme de ação americano, com o personagem Homem-Aranha da Marvel Comics, dirigido por Marc Webb e distribuído pela Columbia Pictures. O longa é uma sequência de The Amazing Spider-Man e o último da nova franquia. O estúdio contratou James Vanderbilt para escrever o roteiro e Alex Kurtzman e Roberto Orci para re-escrevê-lo. Andrew Garfield, Emma Stone, Jamie Foxx, Dane DeHaan, Paul Giamatti, Denis Leary, Colm Feore, Chris Cooper, Sally Field, Chris Zylka, Marton Csokas e Felicity Jones estrelam o filme.

Sinopse: O filme segue na sequencia do que foi visto no anterior. Peter Parker (Andrew Garfield) Assume de vez sua função como Herói de Nova York e tenta, a todo custo, manter sua promessa, feita ao pai da Gwen, de não envolve-la em sua vida heroica, para que ela não  sofra o mesmo destino do Pai. Mas o relacionamento dos dois é profundo demais, e manter distancia é uma tarefa mais difícil do que enfrentar super-vilões. Nesse meio Tempo, surge o Vilão Electro (Jamie Fox), jurando vingança ao Aranha. E não vem só, junto com ele também surge o Duende Verde louco para arrancar, literalmente, o sangue do Aranha.
aranha-1

Entre Erros e Acertos: Como eu disse, o filme acerta em alguns pontos e erra em outros. É bom ver que ouviram os fãs e consertaram tudo aquilo que o filme anterior tinha de errado (cof..cof..praticamente o filme todo..cof..cof), mas é triste ver que ainda cometem erros crassos e infantis. Na área dos acertos, Emma Stone continua perfeita como Gwen Stacy. Linda, carismática, inteligente, corajosa, você se importa com ela desde o primeiro momento em que a vê, de forma que fica fácil entender o porquê é tão difícil para Parker se distanciar dela. O entrosamento dela com Parker é tão perfeito que até salva a pífia atuação de Garfield como Peter Parker.

Agora, se Garfield é um péssimo Parker, ao menos ele é um ótimo Homem-Aranha e esse é outro acerto do Filme. O Aranha “zueiro”, piadista tal qual nos Quadrinhos, está impagável aqui. É como se estivéssemos vendo o Verdadeiro Aranha pela primeira vez nos cinemas. Nesse ponto Marc Webb e Andrew até superam o Aranha Calado de Raimi. E os movimentos do Aranha também estão Espetaculares (com o perdão do trocadilho.kkk) fazendo-nos crer que estamos vendo uma legitima HQ em movimento.

As Cenas de ação também estão ótimas, ágeis, vivas, empolgantes dá gosto de ver o Aranha se balançar e trocar sopapos com os bandidos. Falando em bandidos, também vale elogiar o visual do Electro (muito próximo da versão Ultimate), Duende verde (bastante criticado, mas que no filme acaba fazendo todo sentido e ficando legal) e até o visual do Rino também ficou legal. Dane Dehaan merece parabéns pela interpretação de Harry Osborn/Duende Verde, com a melhor motivação de todo filme ao se tornar vilão.

Já na área dos erros, continuamos a ser assolados por resoluções infantis, incoerentes e outras simplesmente idiotas demais. A pior delas sem duvida é a motivação do Electro. No Filme Max Dillon é um completo idiota que depois de cair num reservatório cheio de enguias elétricas adquiri o poder de controlar a eletricidade, mas resolve virar vilão porque o povo estava dando mais atenção ao Aranha do que a ele.  Isso, na opinião deste que vos escreve, foi a origem mais imbecil que já ví na vida (E olha que eu assisti Steel , aquele derivado do Superman com Shaquille O’Neal). Pobre Jamie Foxx merecia coisa melhor que isso, um grande ator num papel que com certeza lhe causará vergonha no futuro.

Outro ponto incomodo foi o lance de tudo está coincidentemente e de forma absurda relacionado a Oscorp. No primeiro filme tínhamos os pais do Peter que trabalhavam na Oscorp, o amigo dos pais dele que também trabalhava na Oscorp, a namorada dele que também trabalhava na Oscorp, a aranha que picou ele era da Oscorp, o lagarto surgiu na Oscorp, tudo OSCORP, e no segundo filme o absurdo continua, Rino está roubando componentes da… Oscorp, Aranha Salva Max Dillon que também trabalha na… Oscorp, Gwen ainda trabalha na… Oscorp, Smithy (o famoso criador dos Esmaga-Aranhas, nas HQs) também é funcionário da… Oscorp, a indústria de Energia é da… Oscorp, e Harry Osborn, obvio, é filho/Dono/Filho do Dono da Oscorp.  Pelo amor de Deus!! A nova York de Mark Webb deve ser menor que uma cidadezinha do interior, provavelmente deve ter uns mil habitantes apenas, e todos trabalham, adivinham aonde, na OSCORP!! Haja liberdade criativa e boa fé para aceitar que tudo venha de lá, é como se os roteiristas estivessem com preguiça de criar origens diferenciadas, relacionadas a outras fontes, que não seja a maldita Oscorp.
aranha-5

Mais Erros e Acertos: Havia Falado sobre Andrew ser um bom aranha, mas um péssimo Parker. De fato é difícil ver algum traço de Peter Parker em Andrew Garfield. A atuação do sujeito como Parker se resume a olhar por céu e girar o corpo, ou então por as mãos na cabeça e girar o corpo, em nenhum momento vemos nele aquele ar de responsabilidade, de culpa pela morte do Tio de dever acima do bem, alias, tio Ben foi completamente esquecido nessa nova trilogia.

Tudo que temos é um Parker que chora pelos pais, e gira o corpo quando está com Gwen. Mas o premio “coisa mais imbecil já vista num filme”, vai, sem duvida nenhuma, para o povo de Nova York que fica parado, atrás das faixas amarelas da policia (alias, como a policia consegue colocar as faixas de forma tão rápida??) vendo um maníaco que solta raios e explode coisas, como se fosse uma atração circense ao invés de algo que pode mata-los facilmente. Te juro que nessa hora me lembrou aquela cena estupida do filme Prometheus, aonde o biólogo vê uma cobra alienígena sinistra e fica dizendo “que coisinha, bunitinha. Vem cá, vem”. Pois é. E fica pior, pois no filme aparece outro doido (não direi quem é pra não dá Spolier), com duas metralhadoras, uma em cada mão, fuzilando a policia e o diabo a quatro, e o povão lá parado, assistindo como se fosse um Show. Incluindo uma mãe, pra lá de “atenciosa”, que deixa seu filho escapar e ir pro meio da rua enfrentar o louco das metranca. Com certeza, como todos os nova-iorquinos de Mark Webb trabalham na Oscorp, deve ter tido uma espécie de lavagem cerebral neles ao ponto de deixa-los com uma inteligência digna de uma ameba. E por ultimo, o erro mais imperdoável de todos, NÃO TEM J.J.JAMENSON!!!

aranha-6

Resumo da opera: Espetacular Homem-Aranha 2  é um bom filme, melhor que o primeiro, mas ainda inferior em muitos aspectos a trilogia original de Sam Raimi. Fica claro, pelo menos, que os produtores ouvem os fãs e fazem mudanças naquilo que tá errado e que venha a nova franquia com o novo universo cinematográfico Marvel.

Em Outubro de 2020, foi anunciado que Jamie Foxx voltaria ao papel de Electro no filme da nova franquia do Homem Aranha de Tom Holland, muito boatos já apareceram após o ator J.K. Simmons voltar ao papel de J.J. Jameson em uma ponta em Homem Aranha de 2019. É bom lembrar que este personagem é da franquia do Homem Aranha de Tobey Miguire e do diretor Sam Raimi, que é o diretor do novo filme do Dr Estranho no Multiverso da Loucura.

Então, parece que a Sony e Marvel, com as bençãos da toda poderosa Disney, estão criando devagarinho o Aranhaverso com todos os filmes do “Miranha” e quem sabe, de outros personagens clássicos.
aranha-2

Gostou da matéria, é só seguir o meu instagram para acompanhar lançamentos e opinar: https://www.instagram.com/marcelo.moura.1253/

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo