Análise do livro: "O lado escuro da Madrugada" de Roberto Giacundino - NoSet
Lançamentos

Análise do livro: “O lado escuro da Madrugada” de Roberto Giacundino

O Lado Escuro da Madrugada instigará os leitores com uma investigação extremamente obscura e intrigante, e mostrará os lados de uma sociedade coberta por preconceitos e mágoas.

Sinopse

Assassinato em pleno Teatro Municipal em São Paulo. Motivo – Discriminação racial? Drogas? Passional?

Na magnetizante trama policial O Lado Escuro da Madrugada, o paulistano Roberto Giacundino narra a morte de um publicitário durante uma premiação e a busca incessante de uma jornalista pela verdade.

Entre uma punhalada de adaga e uma investigação perigosa, a obra aborda crimes de ódio, agressão dentro de casa, maus tratos, bullying, uso de drogas ilícitas, e descreve com maestria o universo da alta sociedade jornalística.

Sandra, mesmo atormentada pelo seu passado culposo, vivia para buscar o melhor das notícias. Querendo a veracidade e com voracidade mergulha em uma investigação para descobrir quem poderia ter assassinado o amigo publicitário.

Até o momento era apenas um crime, a não ser pelo fato que em poucos dias uma série de mortes sucedem o primeiro acontecimento e os envolve em uma rede de mistérios.

Sandra Garcia, a excepcional jornalista de guerra; Simão Jordel, irmão da vítima; Fábio Guedes, parceiro de emissora; e Henrique Diolli, um jovem e competente hacker, entram em uma intensa busca pelo verdadeiro assassino de Evandro Jordel. Porém, os detetives aventureiros nem imaginam onde a trama os irá levar e que o passado voltará para assombrar.

O evento havia terminado de forma trágica, e o misterioso caso do Teatro Municipal começa para atormentar e instigar os leitores.

Análise

Logo na primeira cena já nos sentimos como em um filme de Hollywood. Toda a descrição do ambiente, como se uma câmera filmasse tudo em 360 graus nos faz, logo de início, entrar na história do livro. Cada detalhe, cor, gesto e sentimento, tudo nos faz praticamente enxergar o que está acontecendo, o que a personagem está vendo e sentindo. E essa sensação percorre todo o livro. O autor conseguiu transmitir em palavras as imagens, e isso ajudou muito a entender melhor a história.

Outro ponto que agrada muito são os capítulos curtos, que tornam a narrativa dinâmica e gostosa. Essa estratégia prende a atenção e faz jus àquela expressão: só vou ler mais um capítulo. E isso acontece com muitos capítulos. Os leitores vorazes se empolgam a continuar lendo. E o interessante é que os capítulos alternam acontecimentos com personagens diferentes. Ou situações distintas.

O mistério do livro é construído aos poucos, conforme vamos conhecendo personagens e fatos. Ele tem um movimento crescente, que conforme avançamos na leitura, temos a impressão de ter descoberto o culpado. Porém várias reviravoltas nos fazem mudar de ideia. O que torna a leitura interessante e nos faz ter vontade de continuar lendo para descobrir o que vem depois

Um pouco da história

Sandra é uma jornalista de sucesso, uma correspondente internacional amada pelo público. Sua vida era cheia de adrenalina. Esteve presente na Colômbia e ficou três dias em poder das Farc. Ao ser libertada, se tornou notícia em todo o mundo, e voltou ao Brasil já com um convite para se tornar âncora do Jornal da Noite de sua emissora, a TVG. Aceitou, relutante, pois gostava da adrenalina de sua profissão. Se tornou capa de várias revistas famosas e o jornal The New York Times a considerou uma das mulheres mais influentes da década. Muitos programas a convidavam para entrevistas, inclusive o Programa do Jô.

Estava indo ao Teatro Municipal de São Paulo para concorrer ao prêmio mais cobiçado entre os profissionais de comunicação, na categoria de Melhor Repórter Investigativa. Porém, nesse evento, algo terrível acontece. Seu amigo, Evandro Jordel, É assassinado misteriosamente com uma adaga no peito. Todos os convidados são suspeitos. A partir daí, Sandra começa uma investigação para tentar descobrir quem matou o publicitário, que acabara de receber um importante prêmio por uma campanha publicitária em que toda a raça humana se unia em uma corrente de ajuda, em um mundo mais justo, onde todos são iguais. Ela mostrava que devia haver o respeito entre todas as raças, religiões e opções sexuais e fazia uma menção ao nazismo, que tanto mal fez à humanidade e fora responsável por tantas mortes no mundo.

Várias hipóteses são levantadas: crime passional? Discriminação racial? Drogas? Neonazistas?

Além de tudo isso, as lembranças de um passado obscuro de Sandra vão se desenrolando ao longo da trama. A jornalista teve uma infância pobre e difícil, com um pai alcoólatra, que a maltratava e à sua mãe, e que teve um papel importante e complicado em sua vida. Sandra, antes de todo o seu sucesso, também sofreu bullying e precisou sair fugida de sua cidade natal, por conta de um sério acontecimento em família.

No decorrer do livro acontece um romance, algo leve e inocente, quase uma paquera, entre Sandra e um personagem importante, que irá ajudá-la a investigar o crime e que estará ao seu lado em todos os momentos em que a jornalista procura a resposta para o crime. Além de um amigo hacker, que também os ajudará nessa busca pela justiça.

O livro vale muito a pena ser lido, principalmente por quem gosta de romances policiais, tecnologias e histórias complicadas de família. O final é surpreendente e nos últimos capítulos não tem como parar de ler, até que o mistério seja desvendado.

O Lado Escuro da Madrugada é o romance de estreia do autor Roberto Giacundino, que inicia sua carreira com chave de ouro nesse instigante thriller. 

Ficha técnica

O LADO ESCURO DA MADRUGADA

Edição: 1ª

Editora: Pandorga

ISBN: 9788584422050

Ano: 2017

Páginas: 272

Compre: Saraiva, Amazon, Livraria Cultura e Pandorga.

 

SOBRE O AUTOR: Roberto Giacundino descobriu desde criança o gosto pela leitura e o prazer de criar e escrever suas próprias histórias. Aos dezesseis anos passou a colaborar para pequenos jornais e periódicos de São Paulo, atuando como colunista de literatura e redigindo reportagens sobre assuntos locais. Formado em Gestão de Recursos Humanos e com MBA em Gestão da Qualidade e Produtividade, ocupou diversos cargos de liderança ao longo da carreira. É natural de São Paulo, cidade que serviu de cenário para “O lado escuro da madrugada”, seu romance de estreia. Mora com a esposa e seus dois cachorros, Marley e Scooby.

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

NoSet é um lugar para se divertir e descobrir curiosidades sobre cinema, séries, HQ’s, games, músicas, livros e muito mais. Além de notícias você também pode ouvir nossas opiniões pelo podcast, sempre de um jeito inteligente e descontraído. Sejam bem-vindos e sintam-se na poltrona do seu cinema favorito.

Siga nosso Twitter

Assinar NoSet por Email

Digite seu endereço de email para receber notificações de novas publicações por email.

Junte-se a 125.815 outros assinantes

Facebook

Copyright © 2016

Topo